2019/07/18

Huawei em queda na Europa


A novela que se arrasta do bloqueio dos EUA à Huawei e a indecisão quanto ao acesso (ou não) ao Android e demais tecnologia indispensável para os smartphones começa a fazer-se sentir nas vendas, com uma forte redução nos últimos meses na Europa.

Segundo os dados agora apresentados pela Kantar, o mercado mobile europeu cresceu 0,6% mas, apesar deste crescimento, a Huawei não conseguiu evitar uma forte queda nos seus resultados. No segundo trimestre de 2019 a Huawei sofreu uma série de reveses.

Embora tenha conseguido um crescimento face ao período homólogo do ano anterior, a quota de mercado da Huawei baixou quase 2% no conjunto dos 5 principais mercados europeus (Reino Unido, Espanha, França, Itália e Alemanha).


Samsung e Xiaomi são as marcas que mais lucraram com esta situação, com a Apple a registar um crescimento inferior, algo que também aconteceu nos EUA, fruto da chegada de um novo iPhone, até final do presente ano.


São dados preocupantes para a Huawei, que continua envolta num mar de dúvidas, mesmo depois de o Presidente Trump ter anunciado a intenção de remover algumas das restrições impostas à marca chinesa. Caso esta situação não fique esclarecida em breve, o mais provável é que este cenário de indecisão continue a penalizar a Huawei, com a maioria dos consumidores a optar por smartphones de outras marcas que não estejam assombradas pela ameaça de perderem o acesso ao Android.

1 comentário:

  1. Com este hoax provocado pelo Trump, e o markting agrevissivo que a samsung está a fazer com os galaxy A é normal que aconteça um queda da huawei.

    ResponderEliminar

[pub]