2019/07/21

Sites de ripping contornam bloqueio do YouTube

Os sites de conversão de YouTube para MP3 já encontraram formas de contornar o bloqueio feito pelo YouTube há cerca de uma semana - tal como era esperado.

A decisão do YouTube bloquear os sites de conversão para MP3 e outros formatos surgiu de forma inesperada, mas sendo facilmente explicada pelo facto do YouTube ter que "mostrar serviço" às entidades de protecção dos direitos das editoras, que há muito que vão acusando os serviços de "ripping" como sendo a nova grande ameaça ao seu sustento. O YouTube lá bloqueou alguns dos serviços mais populares de conversão para MP3, mas passado uma semana, já praticamente todos eles estão de novo em funcionamento.

Era a consequência previsível da medida, e que se deverá repetir caso o YouTube volte a tentar bloqueá-los; nem que esse ciclo acabe por levar à promoção de ferramentas - já existentes - que permitem que os utilizadores façam a conversão directamente nos seus computadores, de forma impossível de ser bloqueada a não ser que o YouTube bloqueie completamente o acesso aos seus vídeos a todos os visitantes.

Uma vez mais, fico pasmado com o tipo de atitudes que nos chega dos "defensores da indústria". Parece que nem o facto de saberem que os consumidores têm tido capacidade de gravar músicas da rádio ou de inúmeras outras fontes ao longo do último meio-século (ou mais) - sem que isso tenha resultado no colapso da indústria (pelo contrário) - parece ser suficiente para as chamar à razão. Por outro lado, há que ter em conta que serão descendentes das mesmas pessoas que tentaram matar a rádio, por acharem que iria ser o fim da indústria discográfica!

2 comentários:

  1. O youtube-dl continua a funcionar na perfeiçao. Normalmente esses sites estao cheios de popups duvidosos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Usa o bloqueador de popups ublock da Origin, existe para quase todos os browsers.. é o melhor bloqueador que já usei..

      Eliminar

[pub]