2019/09/25

Tesla vai aplicar limite de 50GB de dados


Depois de anos a usar o acesso à internet sem restrições e de forma gratuita, a Tesla prepara-se para começar a impor limites de dados nessa utilização.

Numa das recentes actualizações passou a surgir no ecrã um contador de dados que apresenta um limite de 50GB - sinal evidente de que a Tesla se prepara para começar a contabilizar os dados gastos, e simultaneamente procurando sensibilizar os utilizadores mais intensivos para que moderem os seus consumos (ou se arrisquem a pagar mais por isso).

Durante anos, quem comprava um Tesla teve acesso ilimitado à internet sem que lhe fosse cobrado qualquer valor. Mais tarde, a Tesla começou a dizer que o acesso seria apenas por quatro anos, e que depois seria cobrado uma anuidade - coisa que acabou por nunca cobrar. Mais recentemente, separou o nível de acesso em duas versões:
  • Standard Connectivity - apenas com acesso a mapas e navegação e actualizações críticas; com as actualizações normais a terem que ser feitas via WiFi. (Para os modelos base do Model 3)
  • Premium Connectivity - mapas com visão de satélite e trânsito em tempo real, streaming de música, browser, e actualizações.

Embora a indicação de que o acesso à internet terá que ser um serviço pago, com um valor que se estima que será de cerca de €100/ano, as coisas continuam bastante indefinidas; mas o surgimento do contador de dados faz prever que isso esteja prestes a mudar.

Mais do que pagar a anuidade pelo acesso aos dados móveis, este contador parece demonstrar que irá haver também um limite de 50GB para garantir que não haverá abusos (passar o dia a ver Netflix dentro de um Tesla estacionado, por exemplo).

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]