2019/10/17

Ang Lee filmou Gemini Man em 3D 4K a 120fps


O mais recente filme de Ang Lee mostra-nos Will Smith a contracenar com uma versão inteiramente digital dele próprio, mas o maior problema é que serão muito poucos os cinemas capazes de exibir o filme tal como o realizador desejaria: em 3D, a 4K a 120fps.

Enquanto de um lado temos grupos de realizadores que se agarram ferozmente ao desejo de manter os 24fps tradicionais do cinema, outros realizadores, como Ang Lee, não hesitam em recorrer ao que de melhor a tecnologia actual permite. Neste caso, ele diz que o realismo que procurava exigiu a filmagem a 120fps. A questão é que a maioria dos cinemas não tem capacidade para projectar o filme neste formato.

A maioria irá limitar-se a apresentar o filme a 60fps, e os poucos que irão exibi-lo a 120fps apenas projectarão uma imagem 2K (basicamente idêntica à qualidade Full HD que temos em casa). Aliás, esse é um aspecto que Ang Lee refere, que actualmente, devido às plataformas de streaming, é muito mais fácil e ágil fazer chegar conteúdos nestes formatos directamente aos espectadores em suas casas, do que esperar que os cinemas façam os investimentos necessários para poderem acompanhar esta evolução.

Não deixa de ser algo irónico. Noutros tempos as pessoas iam ao cinema para terem uma experiência que superava em todos as aspectos a experiência de ver um filme no televisor em sua casa. Hoje em dia, muitos irão ao cinema com a plena consciência de que poderiam ver o filme com melhor qualidade, de imagem e som, em sua própria casa. E com isto, resta agora esperar que surja um grupo de realizadores que promova a morte dos 24fps. :P

1 comentário:

  1. Acabei por não ver este filme no Imax porque não estava indicado se era em versão 3D, apenas referia "formato Imax". E como não gosto de filmes 2D no Imax, não fui...

    ResponderEliminar

[pub]