2019/10/07

McAfee apresentou novidades para 2019-2020 em Lisboa



A McAfee esteve mais uma vez no nosso país para dar a conhecer a sua nova gama de produtos para o consumidor. As novidades para 2019-2020, passam por três vectores principais: privacidade, segurança e estilo de vida.



Mark Vos, gestor sénior global da McAfee fez a apresentação em Lisboa. No que diz respeito à privacidade, a grande novidade passa por incluir na linha de produtos McAfee uma solução VPN para protegerem as vossas actividades online, sobretudo quando estão ligados a uma rede Wi-Fi pública. A solução McAfee Safe Connect VPN, além de permitir a navegação de forma privada sem limite de dados, passa também a incluir tecnologia de túnel proprietária (fruto da aquisição da TunnelBear). A possibilidade de activar a VPN automaticamente quando se ligarem a uma rede pública e a protecção ao nível das aplicações no Android são outras das novidades neste campo da encriptação das ligações à internet.

A solução McAfee Safe Connect VPN, pode ser instalada em até 5 dispositivos, e vai estar disponível numa versão extra da suite McAfee Total Protection.


Segundo o AV-Test, os produtos McAfee continuam a apresentar um bom nível de segurança, sendo que o conseguem fazer com reduzido impacto no desempenho das máquinas, algo que acaba por ser recorrente em muitos produtos deste segmento.

O malware de mineração de criptomoedas, teve em 2017-18, um crescimento anual de 4000%, com um valor estimado de 57M$ em criptomoeda obtida através de mineração por criptojacking. Para fazer frente a esta ameaça, os produtos McAfee passam a disponibilizar protecção contra mineração maliciosa de criptomoedas. O Cryptojacking Blocker vai manter as máquinas seguras, detectando mais de 150 scripts e variantes de criptojacking, ao mesmo tempo que bloqueará Web sites infectados com estes scripts indesejados.



Para responder às necessidades dos jogadores, a McAfee recolheu dados em entrevistas, inquéritos e testes exaustivos, com vista ao desenvolvimento de um novo segmento de produto que dá especial importância ao impacto no desempenho da máquina. Com o MicroAV engine o processamento das ameaças é feito na cloud por forma a evitar que o desempenho possa ser comprometido.

Os gráficos de desempenho apresentam o consumo de recursos por app, sendo que a Mcafee optou por não incluir a sua app no bolo geral, para que o utilizador possa ter informação concreta sobre o seu impacto no desempenho da máquina. A opção auto game boost dá ao utilizador a possibilidade de ver qual o impacto da solução, desactivando as opções de melhoria de desempenho.



A interface foi igualmente alvo de uma profunda revisão, apresentando agora dados relativos à gestão do desempenho. As sessões são gravadas para permitir uma análise detalhada do comportamento do hardware e software, com vista à correcção dos factores que levaram à redução do desempenho.

O produto virado para os gamers será comercializado em separado, com a Mcafee a procurar apresentar um produto que foi pensado de raiz, para responder às necessidades dos amantes dos jogos, para quem a segurança está muitas vezes em segundo ou terceiro plano.



Em termos de preços, a suite McAfee varia entre os 59,95€ para o McAfee Antivirus Plus, indo até aos 137,95€, para o McAfee Total Protection com VPN. A solução McAfee Gamer Security, numa primeira fase só vai estar disponível no mercado dos EUA, com o produto a chegar à Europa alguns meses mais tarde, sendo que ainda não há um decisão sobre a sua disponibilização no mercado nacional.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]