2019/10/10

Tasker e Join contornam limitações do clipboard no Android 10


O Android 10 complicou a vida a apps que faziam a gestão do clipboard ao impedir que apps em background pudessem aceder à área de transferência, mas o Tasker e o Join já arranjaram forma de dar a volta ao assunto para manterem a funcionalidade desejada pelos utilizadores.

As questões de segurança e inerente desconfiança que paira sobre todas as apps fizeram com que a Google seguisse a opção radical de impedir o acesso ao clipboard por apps em segundo plano. Com isso, deixa de ser possível a uma app monitorizar que coisas estamos a fazer "copy-paste"... incluindo quando se tratasse de uma app com esse mesmo propósito: por exemplo, para permitir fazer o copy-paste entre o smartphone e um PC ou tablet, como é o caso do Join.

Parecia ser o fim dessa funcionalidade, mas João Dias já arranjou forma de contornar esta limitação e já está a testar actualizações para o Tasker e o Join que permitirão continuar a usufruir da sincronização dos copy-paste.

Para isso será necessário dar algumas permissões manualmente (nada que vá assustar o utilizador alvo deste tipo de apps) e de manter um icon visível na barra de notificações para que a app possa ser considerada "activa".


Continuo a achar que teria sido bastante mais lógico que o acesso ao clipboard fosse tratado por intermédio de uma caixa a pedir essa permissão - ao estilo do que é feito para o acesso à localização, câmara, microfone, etc. E que evitaria recorrer a este tipo de artimanhas para se conseguir fazer algo que não deixa de ser uma funcionalidade útil.

[Google Play Store: Join - Tasker]

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]