2019/12/23

Flickr diz que precisa de mais utilizadores a pagar


Um ano após as más notícias para os utilizadores gratuitos, chegam más notícias adicionais para os utilizadores pagantes do Flickr, com os novos donos a dizer que o serviço continua a ser insustentável caso não apareçam mais utilizadores dispostos a pagar.

Em tempos uma referência a nível do alojamento e partilha de fotos, o Flickr foi perdendo protagonismo com a chegada do Google Photos e outros serviços (como o Instagram). O ano passado o Flickr foi comprado pelo SmugMug com a promessa de que iria regressar aos seus tempos de glória, mas não demorou muito para que a realidade se revelasse bem diferente, acabando com a modalidade de 1TB de espaço nas contas gratuitas e a imposição de um limite de 1000 fotos que apagou anos de fotografias acumuladas a quem não quisesse pagar pelo serviço.

Sem surpresas, essas restrições e ameaças não terão tido o efeito pretendido, e agora - um ano mais tarde - temos novo comunicado do Flickr a dizer que o serviço continua a ser insustentável, e que são precisos mais utilizadores a pagar.

A questão é que, depois do tratamento dado aos utilizadores gratuitos, "enxotando-os" com o fim da modalidade mais atractiva e usando a "tentativa de extorsão" com a eliminação de anos e anos de fotos, não me parece que esses utilizadores estejam sequer dispostos a considerar a pagar por um serviço moribundo. Por isso, o que se antevê é que o serviço se vá aguentar apenas pelo tempo em que os seus donos estiverem dispostos a estourar dinheiro nele... e que os actuais clientes pagantes se apressem a arranjar forma de transferir as suas fotos para outro lado (coisa que provavelmente já terão feito, em virtude dos acontecimentos já decorridos).

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]