2019/12/18

Unroll.me obrigado a apagar dados que recolheu dos utilizadores


O caso do Unroll.me serve como mais um aviso para a utilização de serviços gratuitos que não expliquem de forma clara o que poderão fazer com os dados dos seus utilizadores.

A novela do serviço Unroll.me parece estar finalmente a chegar ao fim. O serviço que prometia manter as caixas de email dos utilizadores livres de elementos indesejados aproveitava o acesso para recolher informações e vender esses dados (nomeadamente, apanhar emails com recibos da Lyft para marcar esses utilizadores como alvo para promoções da Uber) - e que ainda por cima achava não estar a fazer nada de mal.

Pois bem, o resultado foi um processo da FTC, que agora chega ao fim com um acordo em que a empresa se compromete a eliminar todos os dados recolhidos sobre os utilizadores. Não que isso vá fazer diferença para todos os perfis que já foram criados com base nesses dados, e que nunca serão esquecidos.

Ainda assim, fica a validade de uma das justificações dos funcionários: que argumentou que os utilizadores seriam ingénuos se achavam que um serviço gratuito não se iria aproveitar dos seus dados. Um alerta que permanece válido para todos os serviços gratuitos por esta internet fora.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]