2020/01/27

Avast vende dados do que os seus clientes fazem nos computadores


Quem tiver instalado um anti-virus da Avast com a expectativa de proteger a sua segurança e privacidade poderá não gostar de descobrir que a empresa está a vender todos os dados recolhidos sobre os clientes, incluindo que páginas visitam e em que links clicam.

A velha máxima de que "quando um produto é gratuito é porque o produto é o utilizador" volta a mostrar-se assustadoramente certa, com a descoberta de que a Avast, popular empresa de anti-virus, tem estado a vender os dados recolhidos dos seus utilizadores que revelam tudo o que eles fazem nos seus computadores - incluindo histórico das páginas web visitadas, em que links clicam, o que pesquisam, o que compram, etc.

Estes dados, vendidos através da sua subsidiária Jumpshot, em negócios de milhões de dólares, eram comprados por empresas como a Google, Microsoft, Condé Nast e outras, revelando preciosos dados sobre cada utilizador, com a vantagem de que ultrapassam qualquer sistema de "navegação privada" do browser, ad-blockers, ou até de VPNs que estejam a utilizar. O processo de "espionagem" era feito pelo próprio programa de anti-virus, sempre com a justificação de que é para manter o utilizador em segurança e monitorizar aquilo em que ele clica ou que páginas visita para evitar conteúdos maliciosos.



Neste caso a solução é simples e passa por desinstalar e não utilizar qualquer produto da Avast. No entanto, o mesmo tipo de preocupação pode aplicar-se também ao browser que se utiliza (e que pode estar a recolher dados idênticos); ou até à chamada "telemetria" de sistemas como o Windows, que também vão recolhendo dados sobre o que é feito pelos utilizadores; sempre com a justificação de que é meramente para os manter em segurança e a salvo de conteúdos maliciosos.

7 comentários:

  1. "As definições de vírus, foram atualizadas" Tradução: já recolhemos as informações de hoje.

    ResponderEliminar
  2. Porquê usar AVs como Avira, Avast ou AVG quando a Kaspersky e a bitdefender têm antivirus gratuitos com tão boa qualidade e pagos com uma qualidade ainda melhor?

    ResponderEliminar
  3. ou até à chamada "telemetria" de sistemas como o Windows, que também vão recolhendo dados sobre o que é feito pelos utilizados;

    será antes "utilizadores" em vez de "utilizados". :)

    ResponderEliminar

[pub]