2020/02/06

Tablets Wacom espiam todos os programas que se abrirem no computador


Esperar-se-ia que um dispositivo como um tablet da Wacom usado para desenhar no computador se limitasse a cumprir a sua função; no entanto, descobre-se agora que a Wacom não resistiu à tentação de acumular dados sobre os clientes, recolhendo informação sobre todos os programas que se executem e enviando-os para a Google.

O caso foi seguido por um engenheiro que teve a paciência de não se limitar a aceitar cegamente os termos e condições de utilização, e que decidiu investigar mais a fundo os dados que o seu tablet Wacom estaria a recolher e a enviar para fora. Depois de explicar o processo de configurar um proxy no seu computador para interceptar as comunicações, foi surpreendido por ver que a Wacom não só registava informação para a qual poderia ter alguma justificação (como quando o driver da Wacom arranca ou é interrompido por algum motivo), mas também informação sobre todo e cada programa que é executado e quando.


Aparentemente poderá suspender-se a recolha destes dados desactivando o "Wacom Experience Program" no "Wacom Desktop Center", mas não deixará de ser o tipo de recolha de dados que muitos utilizadores considerarão abusiva e para o qual deveriam ser devidamente informados. Poucas pessoas imaginarão que o seu tablet Wacom estará a recolher e partilhar tal informação, que nalguns casos poderá estar a divulgar informação privilegiada (como programas ainda em desenvolvimento que se desejaria manter em segredo; ou que permitirão inferir certos tipos de dados sobre o utilizador - como programas médicos, etc.)

Curiosamente, talvez por já antecipar que a certa altura esta recolha de dados fosse descoberta e se pudesse tornar problemática, a Wacom tem um "killswitch" na web através do qual pode desactivar remotamente a recolha de dados. Se não existir o ficheiro http://link.wacom.com/analytics/analytics.xml os drivers da Wacom suspendem a recolha e envio de dados.

Informações a ter em conta por quem usar tablets da Wacom...

1 comentário:

[pub]