2020/04/04

Zoom vai exigir passwords e activar salas de espera para combater trolls


O Zoom continua a apressar-se a responder aos diversos problemas que vão sendo noticiados quase diariamente, e desta vez foca-se em combater os trolls que invadem videoconferências.

Recentemente foi lançada uma ferramenta que permite descobrir videoconferências Zoom sem password, permitindo que qualquer pessoa nelas possa entrar. Isso parece ter preocupado suficientemente a Zoom para que, a partir do dia 5 de Abril, passe a exigir passwords para quem entra nas videoconferências via Meeting ID, e também activar automaticamente as salas de espera - para que os participantes tenham que ser expressamente aprovados antes de entrarem.


Não deixam de ser alterações que continuam a ser reactivas em vez de pro-activas, acompanhadas da dose habitual de desculpas (como o recente reencaminhamento de videoconferências no ocidente através de servidores na China, que a Zoom diz ter sido feita por engano).

Enquanto isso, se tiverem que usar o Zoom não deixará de ser recomendável que tentem usar o browser em vez de instalar a app; e que antes de se aventurarem em entrar sem autorização em videoconferências de outras pessoas, que isso é algo que nalguns países já pode ser considerado uma ofensa bem grave. Quem quiser brincar, será melhor manter-se no chat roulette (se é que ainda existe) ou algo idêntico que o tenha substituído...

Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]