2020/05/16

Facebook compra Giphy


Mesmo estando cercado por processos e investigações, o Facebook não conseguiu resistir a mais uma aquisição, comprando o popular serviço de GIFs animados Giphy por 400 milhões de dólares.

Mesmo com toda a evolução tecnológica que tem havido, numa altura em que os smartphones já começam a gravar vídeo 8K, o método mais "standard" de partilhar pequenos vídeos na internet continuam a ser os arcaicos e ultrapassados GIFs animados. Esta aquisição do Giphy pelo Facebook acabar por ser um reconhecimento disso mesmo, que por muito que se tenha tentado arranjar alternativas mais modernas e eficientes, os GIFs estão cá para durar por muitos e longos anos.



Obviamente que esta compra do Facebook não se deve a sentimentos altruístas para preservar todos os GIFs que estão alojados no Giphy - e estamos a falar de centenas de milhões de utilizadores que partilham milhares de milhões de GIFs todos os dias. Com esta aquisição, o Facebook fica com mais uma plataforma com a qual conseguirá recolher mais dados sobre os utilizadores e todos os que passem por um destes GIFs, independentemente de estarem numa página do Facebook ou em qualquer outro local.

Não deixaria de ser curioso que a compra do Giphy se viesse a revelar a "gota de água" que justificasse os processos daqueles que dizem que o Facebook deveria ser impedido de acumular tantas plataformas e serviços, e que querem que Instagram, WhatsApp e outros, voltem a ficar independentes do FB.

1 comentário:

[pub]