2020/05/11

Meizu 17 e 17 Pro querem enfrentar os topo de gama da concorrência


A Meizu já revelou o Meizu 17 e 17 Pro que ocuparão o lugar de topo de gama da marca, e tratam-se de smartphones com argumentos e design que não deverão ter dificuldade em conquistar fãs.

Tanto o Meizu 17 e 17 Pro partilham o design e características base, incluindo a utilização de um Snadragon 865 e um ecrã AMOLED full-screen 6.6" (2340x1080) a 90Hz e touch a 180Hz, com margens reduzidas de todos os lados e apenas um pequeno furo no canto superior direito para a câmara frontal - um conjunto que resulta bastante bem em termos estéticos.


Temos 8GB / 12GB de RAM (LPDDR5 no 17 Pro), 128GB / 256GB, UFS 3.1, bateria de 4500mAh com carregamento rápido de 30W, carregamento wireless de 27W no Pro, câmara frontal de 20MP, sensor de impressões digitais no ecrã, 5G, WiFi ax, USB-C, e Android 10 com o FlymeOS da marca. Onde as coisas mais se diferenciam é nas câmaras. O Meizu 17 "normal" vem com um conjunto de 64MP + 12MP + 8MP ultrawide + 5MP macro; o Meizu 17 Pro vem com 64MP + 32MP ultrawide + 8MP + 3D ToF.


A disposição das câmaras na traseira é também curioso e bem conseguido, numa fileira no topo do smartphone, que tem desde logo como grande vantagem permitir pousar o smartphone numa mesa sem que ele fique a balançar (como acontece com todos os smartphones com módulos salientes de câmara num dos lados).

Os preços são também interessante (na China):
  • Meizu 17 8GB+128GB : €482
  • Meizu 17 8GB+256GB : €521
  • Meizu 17 Pro 8GB+128GB : €560
  • Meizu 17 Pro 12GB+256GB : €612

Agora só falta fazê-los chegar à Europa a este preço e, se fosse para ficarem mesmo perfeitos, lançarem uma versão com Android One para quem preferisse um Android livre de alterações.

2 comentários:

[pub]