2020/06/02

Vendedores contornam controlo de preços na Amazon com "coleccionáveis"


A Amazon (e outras lojas) têm sistemas para tentar impedir o abuso de preços durante o período de pandemia do Covid-19, mas infelizmente parece ser fácil para os vendedores externos contornarem esse controlo e pedirem valores exorbitantes pelos mais variados produtos.

Que vos parece uma máquina de fazer pão, que custava $80 há poucas semanas, estar à venda por $240, ou jogos Nintendo Switch de $79 à venda por $280, ou ainda piscinas insufláveis de $359 à venda por $1400(!), pesos para execícios a $1275 ou um fantástico cabo USB por $255? São valores absurdos e exorbitantes, mas que estão a escapar ao controlo de preços da Amazon devido a uma aparente lacuna encontrada por alguns vendedores: estão a ser vendidos como sendo produtos coleccionáveis.

Quando se tratam de produtos para colecção, as regras habituais de preço não se aplicam - e facilmente se compreende porquê. Um produto que poderia ter um valor efectivo ridiculamente reduzido pode ter um valor incalculável para coleccionadores... e é nisso que apostam estes vendedores que tentam obter o máximo de lucro de produtos que possam estar esgotados e dos quais só eles têm stock para fornecimento imediato.

De qualquer forma, fica a informação: da próxima vez que passarem por um produto a preço exorbitante, nem sequer fiquem a pensar se realmente é um produto tão melhor que os outros que o seu preço daria para comprar meia-dúzia deles. O mais certo é mesmo ser um destes vendedores oportunistas à espera de apanhar um cliente desesperado...

Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]