2020/06/02

Vídeo da NASA fica inacessível no YouTube por falso copyright da National Geographic


O momento histórico do primeiro lançamento de astronautas da SpaceX foi também marcado por mais uma demonstração dos abusos dos direitos de autor que vão proliferando no YouTube, com um vídeo da própria NASA a ter ficado indisponível por queixa da National Geographic.

A situação não é propriamente novidade. O vídeo da NASA foi removido, por ter sido marcado como violando os direitos de autor da National Geographic, que também tinha utilizado alguns segmentos do vídeo da NASA do lançamento no seu canal. Sendo algo que, tendo em conta a dimensão das entidades envolvidas, ficou resolvido num prazo relativamente curto - mas ainda assim deixando o vídeo inacessível durante muitas horas.

Infelizmente o caso não é único - pelo contrário, são situações que se tornam cada vez mais frequentes - e que até acontecem por cá, como falamos no mês passado, relativamente a vídeos que passaram na tele-escola e que automaticamente fizeram com que a RTP se quisesse apoderar dos direitos de autor do autor legítimo!

Até que estas queixas abusivas, excessivas e fraudulentas, comecem a ser acompanhadas de repercussões para quem as pede, temo que as coisas não mudem para melhor. É muito mais benéfico para estas entidades pecarem por excesso e pedirem o domínio sobre tudo, sabendo que - no pior caso - tudo o que terão que fazer é reconhecer o erro e retirar o pedido, e nada mais. Enquanto isso, os legítimos autores são tratados como criminosos, ameaçados de que podem ficar sem o seu canal no YouTube, e terão que perder dias, semanas, ou mais tempo, para lidar com estas situações.


Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]