2020/07/01

Disney cria deepfakes de qualidade cinematográfica

A tecnologia deepfake facilitou o processo de manipulação e troca de rostos em vídeo, e agora a Disney aprimorou a tecnologia de modo a que pudesse ser utilizada até para produções cinematográficas profissionais.

Os deepfakes vieram demonstrar-nos (mais uma vez) que não se pode acreditar em tudo o que se vê; e temos visto muitos exemplos de deepfakes de qualidade feitos por simples curiosos. No entanto, são vídeos que beneficiam do facto de terem resolução reduzida, o que ajuda a disfarçar todo o tipo de imperfeições - algo que o departamento de investigação da Disney diz ter resolvido.

A Disney Research revelou um novo algoritmo de deepfakes que permite transferir rostos com qualidade suficiente para que possam ser utilizados em filmes e séries.


É uma ferramenta que, como se pode imaginar, será de grande interesse para a Disney e outros estúdios, facilitando o processo de efectuar correcções sem que seja necessário efectuar regravações, ou de permitir que novas cenas sejam gravadas sem a presença física do actor desejado (que por motivos de agendamento possa não estar disponível), mas depois aplicando-lhe o rosto através deste sistema. Seja qual for a justificação, será ainda mais difícil distinguir o que é real do que que não é.

Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]