2020/10/13

Google volta a limitar Gmail Go ao Android Go

A recente abertura da app Gmail Go a todos os Android não passou de um erro da Google, e a app voltará a estar limitada aos equipamentos Android Go.

A esperança de que a Google estaria a ouvir os utilizadores e a deixar que fossem eles a decidir se querem usar as apps tradicionais, que ocupam centenas de MB, ou as versões "Go" mais ligeiras, não passou afinal de um lapso temporário da Google. O facto da app Gmail Go ter ficado disponível para todos os Android não foi algo planeado pela Google, mas sim resultado de um erro que rapidamente foi corrigido - voltando a limitar o Gmail Go aos equipamentos com Android Go.

Continua a não fazer qualquer sentido que a Google esteja a impedir o acesso a estas apps - que apenas faz com que os utilizadores que realmente as quiserem utilizar tenham que recorrer a fontes não oficiais, como o APK Mirror, com os potenciais riscos de segurança para quem se arriscar a instalá-la de fontes menos fidedignas.

Faz lembrar aquelas apps que ridiculamente também aplicam restrições geográficas por não terem traduções nas línguas locais, como se não existissem utilizadores que até preferem utilizar as apps em inglês ou outras línguas em que a app estaria disponível. Que tal se passasse a ser critério das app stores que as apps teriam que ser disponibilizadas de forma global, sem qualquer restrição geográfica ou de equipamento, a não ser em casos onde isso fosse obrigatório (por exemplo, por motivos legais)?

Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]