2020/12/15

Shazam chega aos browsers mas deixa Windows de fora

O serviço de reconhecimento de música Shazam, agora pertencente à Apple, chega aos browsers - mas deixa os utilizadores de Windows de fora.

A Apple actualizou o Shazam, com novo design e maior foco na vertente da descoberta musical, o que encaixa na perfeição com a sua integração com o Apple Music. No entanto, a maior novidade é que pela primeira vez o Shazam fica também disponível para reconhecer as músicas a partir do browsers nos computadores desktop - ou melhor dizendo, nalguns desktops. O Shazam fica disponível em versão beta para o Safari, Chrome, e Firefox... mas apenas no macOS e Chrome OS.

Não há grandes motivos para que uma ferramenta lançada para um browser não fique disponível para o browser em todas as plataformas, especialmente tendo em conta que se deram ao trabalho de a disponibilizar para o Chrome e Firefox, para além do seu próprio Safari - a não ser que esse motivo seja mesmo o de enviar uma mensagem de que o Windows será uma plataforma "não recomendada" (mas não deixando de ser estranho que não tenham feito o mesmo com o Chrome OS).

Mas, não é que isso faça grande diferença. A Apple não facilita o uso do Shazam nos browsers em Windows, o SoundHound agradece, já que esses utilizadores podem recorrer ao Midomi, que há muito permite fazer a pesquisa de músicas nos browsers, usando a tecnologia de reconhecimento do SoundHound.

1 comentário:

[pub]