2021/01/26

Alexa ganha acções proactivas que dispensam confirmação

Depois das sugestões estreadas em 2018, a Alexa passa agora a ser capaz de controlar dispositivos com base nas rotinas dos utilizadores sem necessidade de confirmação manual.

Há muito que a Amazon deu à Alexa a capacidade de analisar as rotinas dos utilizadores e fazer sugestões com base nos seus hábitos. Por exemplo, podia perguntar se desejavam apagar as luzes da sala, que tinham ficado ligadas, ao se irem deitar; ou desligar o A/C quando se sai de casa. Isto era algo a que os utilizadores tinham que responder manualmente, mas que a partir de agora poderá ser feito de forma completamente automática pela Alexa, sem necessidade de confirmação manual.


Se estão a antecipar tudo o que poderá correr mal ao se dar controlo total e absoluto dos nossos smart devices a uma A.I., há pelo menos a salvaguarda de se poder dizer quais dos equipamentos poderão ser actuados por este novo modo proactivo completamente automático, e quais deverão permanecer pendentes da confirmação manual do utilizador. Pelo menos assim poderá dar-se apenas o controlo a algo "inofensivo" como uma lâmpada, e não a coisas potencialmente mais problemáticas como portas de garagem, fechaduras, etc. (se é que estas sugestões automáticas também abrangem esse tipo de dispositivos).

Temos também a atenuante que os utilizadores da Alexa já passaram os os dois últimos anos a ver as sugestões com confirmação feitas pela Alexa e já terão uma boa ideia do tipo de acções que ela irá efectuar, e mesmo para novos utilizadores, não custará muito optar por essa modalidade durante alguns meses, antes de dar permissões de controlo directo com base no que achar melhor. Por agora, é algo que só estará disponível para EUA, pelo que também teremos tempo para perceber se a coisa funciona devidamente.

Sem comentários:

Publicar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]