2021/02/25

Testa o áudio HiFi do Spotify

O Spotify vai passar a ter uma modalidade HiFi lossless, mas será que consegues ouvir as diferenças?

O mundo do áudio tem tido "guerras" constantes praticamente desde a sua origem. Não será preciso relembrar todo o sector audiófilo, com marcas que fazem todo o tipo de promessas ridículas com coisas como cabos a preços exorbitantes, que até conquistam uma série de fãs, mas que depois quanto são submetidos a testes cegos, revelam que afinal não há diferenças que se ouçam. O mesmo também se manteve com a transição para a música digital e os codecs de compressão, havendo novas guerras quanto aos que dizem ser capazes de ouvir as diferenças entre as músicas comprimidas e as não-comprimidas. Pois bem... podem pôr isso à prova neste teste ABX do Spotify HiFi.

Em vez de se limitar a dar-nos duas versões (com compressão e sem compressão) e a perguntar qual achamos que tem melhor qualidade, num teste ABX é-nos dado uma amostra X, que pode ter compressão ou não, e que temos que dizer se achamos que é mais parecida com a amostra A ou amostra B. É um teste que costuma dar resultados mais fidedignos quanto à real capacidade para ouvir e detectar diferenças nas músicas.
Mesmo quem achar que tem "ouvido" para a coisa pode descobrir que a tarefa é mais difícil do que pode parecer à primeira vista, e desconfio que as diferenças são imperceptíveis para a maioria das pessoas. Nuns headphones gaming de qualidade média as amostras pareciam ser todas iguais, e mesmo recorrendo aos meus headphones de melhor qualidade ligados a um DAC externo as diferenças eram ínfimas. Dito isto, como só fiz o teste com paciência para as duas primeiras músicas, e depois fiz literalmente à sorte por falta de tempo... considero-me satisfeito com o resultado de que "provavelmente consigo ouvir as diferenças". :)

6 comentários:

  1. Acrescentando que pessoas com mais de 35 anos não conseguirão ouvir as frequências mais agudas, o que, obviamente, deverá ser colocado no meio da equação.

    ResponderEliminar
  2. Se é preciso estar 100% concentrado para ouvir diferenças, então não se notam as diferenças ou não justificam :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Precisamente! E mesmo quem nota diferenças, so as nota em comparações imediatas entre 2 amostras. Basta as 2 amostras estarem separadoras no tempo em 3 ou 4 minutos, e já não se consegue comparar!

      Eliminar
  3. Desisti passado 2 minutos, quando passou à segunda música. Trocando entre os vários samples, não sinto diferença nenhuma (com uns Sony WH-1000XM3 por Bluetooh), como não tem hipótese para dizer "não sei" e estava a escolher opções aleatoriamente, o teste não ia dar um resultado relevante.

    ResponderEliminar
  4. Não me quero gabar... eheh... mas tive 76% correct

    There is a 1% likelihood of getting this or a more extreme score by chance ?
    Track Correct p-value ?
    The Killers 80% (p >= 0.020)
    James Blake 80% (p >= 0.020)
    Daft Punk 60% (p >= 0.020)
    The Eagles 100% (p >= 0.020)
    Dixie Chicks

    ResponderEliminar

[pub]