2021/03/30

Synology NAS - Como configurar o acesso remoto no DSM

Um NAS é uma das opções mais interessantes para guardar documentos e fotografias, sendo uma alternativa aos inúmeros serviços cloud que existem para o efeito. A localização física do equipamento levanta limitações à sua utilização, mas esta situação acaba por não ser um problema, podendo o utilizador configurar o acesso ao NAS através da Internet.

QuickConnect


Para simplificar o processo de acesso remoto ao NAS, a Synology disponibiliza aos seus clientes o serviço QuickConnect, podendo o mesmo ser activado manualmente através do painel de controlo da DiskStation Manager - DSM.


Para utilizar este serviço é necessária uma conta Synology, pelo que se ainda não possuem uma, esta será a altura ideal para a criarem. 


O processo de activação do QuickConnect é bastante simples, bastando colocar o visto na caixa respectiva, ter a conta de utilizador criada, havendo que definir o nome para o serviço e aceitar os termos do serviço com mais um visto. Caso o nome escolhido esteja disponível, basta clicar no "aplicar"



Os dados para acesso remoto ao NAS são apresentados de seguida, havendo que registar os mesmos para utilização futura. Será através deste endereço no browser que será efectuado o acesso ao NAS.




Nas opções avançadas podem definir quais as aplicações que poderão ser utilizadas para acesso remoto, podendo optar por limitar o acesso à DSM ou a aplicações específicas.

Recomenda-se que não activem a segunda opção "Criar automaticamente regras de encaminhamento de portas", pois se o fizerem, vão estar a abrir o NAS para o mundo, ficando o mesmo à mercê da internet. Esta acaba na verdade por ser uma das vantagens do serviço QuickConnect da Synology, não obrigando a que se tenha uma porta aberta para aceder remotamente ao NAS. Por outro lado, damos esse privilégio à Synology, havendo por isso que considerar esta situação aquando da configuração do acesso remoto.

 Acesso externo 


Quem não pretender utilizar o serviço de acesso remoto disponibilizado pela Synology, pode sempre recorrer à configuração manual do mesmo, sendo que até esta opção acaba por se apresentar numa modalidade bem mais simples de implementar do que é habitual.

Para activarem o acesso externo, basta escolher esta opção no painel de controlo.


No separador DDNS, escolher a opção adicionar.


Na entrada fornecedor de serviço, têm de seleccionar a opção que pretendem utilizar no acesso remoto. Introduzidos os dados para acesso ao serviço de acesso remoto, devem clicar no botão testar ligação para garantir que está tudo devidamente configurado. Se for esse o caso, vai ser apresentado um "Normal" no campo de estado, podendo de seguida clicar no "OK" para fechar esta janela. 



O serviço passará a ser apresentado no separador DDNS.



Para que o acesso remoto fique funcional, é necessário configurar as portas que serão utilizadas para esse efeito. Terão que escolher o separador "Configuração do Router" e clicar em "Configurar Router"



Serão efectuados alguns testes para verificar se o router suporta o serviço UPnP. Em caso afirmativo, terão a vida facilitada, com a DSM a comunicar directamente com o router para configurar neste o encaminhamento de portas (de forma automática).



Este processo é mais simples que o habitual, mas continua dependente do utilizador para definir a porta que pretende configurar no router para utilizar o acesso remoto. Para esse efeito, devem clicar na opção "Criar".




Podem escolher a opção de configurar uma aplicação, ou em alternativa uma porta genérica. No exemplo em cima foi utilizada a primeira opção, tendo sido seleccionada a entrada "IU de Gestão", a qual permite acesso à DSM. 

Caso assim pretendam, podem utilizar uma porta diferente da proposta no router, não havendo a necessidade de utilizar a opção pré-definida. Podem, por exemplo, ter a porta 5000 na DSM e a 32424 no Router, com este último a fazer o reencaminhamento para a porta correcta na DSM.

Se o fizerem, terão que ter este facto em conta quando forem aceder remotamente ao NAS, tendo que indicar a porta no final do endereço. Para o exemplo em questão, seria algo como testesquickconnect.strangled.net:32424.



Em alternativa, poderão optar por uma solução mais simples, que passa por alterar a porta para acesso à DSM, bastando para isso aceder ao Painel de Controlo, escolher o separador Rede e na entrada "Geral", alterar a porta 5000 para a escolhida, neste caso 32424.



Configurado o serviço é necessário guardar as alterações, clicando na opção "Guardar".



Será apresentada uma mensagem, informando que as regras existentes vão ser sobrescritas, tendo apenas que se clicar no OK, para dar seguimento ao processo.


Se tudo correr como esperado, terá sido criada uma regra no router para o encaminhamento de portas.


Podem verificar se esta tudo bem configurado, clicando no botão "Testar Ligação", ficando assim comprovado que o acesso está funcional.


Nota: os nossos agradecimento à CloudIT na pessoa do Sr. Jorge Sousa, pelos esclarecimentos técnicos que apoiaram a elaboração deste artigo.

5 comentários:

  1. Obrigado,excelente informação....por acaso sabem onde encontrar um Synology DS118 ao melhor preço?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu comprei o ds918+ na Amazon. O que fiz foi, meti o produto no keepa.com e esperei por uma boa promoção.Também podes meter notificações no Kuantokusta.

      Eliminar
  2. Viva

    Já que o Luis fez este excelente artigo (parabéns) para ajudar quem precisar de configurar o acesso remoto ao seu Synology, deixo um conselho de segurança:
    Mudem mesmo a porta por defeito do DSM de 5000/5001 pois é já conhecida e alvo de ataques contínuos. Desactivem o utilizador por defeito "admin" e criem um utilizador novo só para administração do sistema.

    Fiquem bem e divirtam-se com os vossos Synology.
    Jorge Sousa

    ResponderEliminar
  3. Synology, não reconhece o router da Meo . Alguém pode ajudar ?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O router suporta UPnP? A funcionalidade está activa?

      Eliminar

[pub]