2021/04/19

As fascinantes máquinas de escrever IBM Selectric

No início da década de 60 a IBM lançou uma gama de máquinas de escrever eléctricas que viria a conquistar uma legião de fãs, as IBM Selectric, que usavam uma tecnologia completamente diferente para escrever.

As primeiras máquinas de escrever eléctricas surgiram nos anos 20, e limitavam-se a ser versões mecanicamente idênticas às máquinas de escrever manuais, mas com actuação electromecânica que eliminava a "força" do utilizador da equação. Hoje em dia pode parecer estranho, mas nas máquinas de escrever manuais era preciso exercer uma força relativamente constante para que a letra ficassem bem impressa, já que uma tecla carregada com pouca força iria causar uma impressão mais fraca, com a letra a ficar menos "carregada" que as outras.

Mas, em 1961, a IBM lançou as Selectric, que abdicavam das barras de impressão, trocando-as por uma bola!

O funcionamento destas máquinas parecia algo saído de um filme de ficção científica, e tinham a vantagem de ser extremamente rápidas, conseguindo dar resposta até ao escritor mais rápido.




Este último vídeo permite apreciar o seu funcionamento em câmara lenta, e torna ainda mais impressionante pensar que um mecanismo sujeito a tal violência conseguisse funcionar de forma continuada, dia após dia, mês após mês.

6 comentários:

  1. Lembro perfeitamente de usar uma máquina de escrever elétrica no terceiro ciclo mas estas IBM não conhecia, uma bela obra de engenharia mecânica, até apetece dizer que dão 10 a 0 a alguns chips nos smartphones de hoje :)

    ResponderEliminar
  2. Mais interessante ainda como foi vítima do primeiro keylogger conhecido https://arstechnica.com/information-technology/2015/10/how-soviets-used-ibm-selectric-keyloggers-to-spy-on-us-diplomats/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tanto uma como a outra são invenções fantásticas. Fazer um keylogger é retransmitir de um equipamento destes, é obra.

      Eliminar
    2. A minha mãe era escritoraria de gestores de direcção numa empresa e ela usava uma máquina destas.
      Lembro-me de escrever nesta máquina quando tinha de passar o dia Von a minha mãe. Estava muito à frente no tempo. O teclado tinha um clic provisional.

      Eliminar
  3. Durante alguns anos trabalhei como scheduler no planejamento e produção dessas máquinas na IBM Sumaré.

    ResponderEliminar
  4. Durante alguns anos trabalhei como scheduler no planejamento e produção dessas máquinas na IBM Sumaré.

    ResponderEliminar

[pub]