2021/05/11

Google enfrenta processo de $5B por tracking em modo incógnito

A Google tem novo processo a juntar à lista, desta vez com um pedido de 5 mil milhões de dólares por violar a privacidade dos utilizadores ao fazer tracking no modo incógnito do Chrome.

Curiosamente, embora fosse o tipo de processo que se esperaria ter origem na Europa, este é um processo com origem no seu país natal. A Google é acusada de fazer tracking dos utilizadores mesmo quando estes activam o modo incógnito do browser, através de muitos outros sistemas, como o Google Analytics (usando em grande parte do site para estatísticas das visitas), Google Ad Manager (a publicidade da Google que aparece em grande parte da web), e outros plugins (como os de tradução de páginas, etc.) Tudo coisas que continuam a recolher informação sobre os utilizadores, mesmo que tenham aplicado o modo incognito do browser.

Será interessante ver o desfecho deste caso, já que se for dada razão aos queixosos, poderão seguir-se muitos processos idênticos referentes a outras plataformas disseminadas de tracking, como o Facebook e outras redes sociais, que também conseguem obter informação idêntica de todas as páginas que tiverem botões de "like" ou de partilha (o modo mais eficiente de escapar a isto será utilizar um ad-blocker que bloqueie os scripts de estatísticas, redes sociais, publicidade, etc. - e que até pode ajudar a preservar a sanidade mental ao bloquear os popups insistentes dos cookies.).

Uma coisa que poderá resultar deste caso, será mais um popup a tentar esclarecer em que consiste o "modo incógnito" do Chrome. A Google por diversas vezes já tem reforçado a ideia de que o modo incógnito não garante a privacidade dos utilizadores, e se limita a ser um modo em que não fica um registo dos sites visitados no computador do utilizador - algo bem diferente da percepção que alguns (muitos?) utilizadores poderão ter, de que este modo lhes garantirá privacidade acrescida.

Talvez o resultado deste processo venha a ser uma alteração do nome, passando de "modo incógnito" para "modo de esquecimento", que deixe de transmitir essa ideia.

1 comentário:

[pub]