2021/06/17

Amazon reduz comissão na app store para 20%

Procurando aproximar-se da Apple e da Google, também a Amazon anuncia uma redução das comissões na sua app store, de 30% para 20% para quem facturar menos de um milhão de dólares por ano.

As comissões excessivas nas app stores têm sido um ponto muito contestado pelos developers, e em resultado disso tanto a Apple como a Google já fizeram alterações. A Apple anunciou o corte de 30% para 15% para developers que facturem menos de 1 milhão de dólares por ano, que entrou em vigor no início deste ano (2021); a Google vai aplicar uma redução idêntica de 30% para 15%, mas aplicada ao primeiro milhão de todos os developers, com entrada em vigor em Julho. E agora temos a Amazon a avançar com as suas alterações.

A Amazon também vai reduzir a comissão na sua app store, mas apenas de 30% para 20% e no caso dos developers que tenham receitas inferiores a 1 milhão de dólares. Em compensação, a Amazon vai dar um crédito no valor de de 10% das suas receitas (para developers no patamar abaixo do 1 milhão de dólares) que poderá ser utilizado nos seus serviços AWS - créditos que terão que ser utilizados num prazo de 12 meses ou perdem a validade.

Para os developers que usarem os serviços Amazon, os 10% na comissão e os 10% nos créditos podem acabar por se tornar mais vantajosos. Mas para quem não usar AWS, ficará apenas com uma redução de 10% na comissão cobrada, face à redução de 15% nas app stores da Apple e Google para circunstâncias idênticas.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]