2021/07/18

Honda revela Honda CMX1100 em versões Sport e Bobber

A Honda Europa celebra a dupla personalidade da Honda CMX1100 Rebel, a irmã de maior cilindrada da CMX500, com duas personalizações do preparador francês FCR Original: a CMX Sport e a CMX Bobber.

CMX SPORT – Modelo desportivo para utilização no dia a dia

A intenção da FCR Original era destacar o lado práctico e agradável da Rebel, mas torná-la, ao mesmo tempo, mais desportiva, musculada e agressiva. A inspiração para esta preparação veio pela mão da beleza mecânica e desempenho da caixa DCT, um sistema muito adequado a uma utilização diária por condutores de todas as idades. Depois de fazer os esboços da moto, a equipa de customização começou então o seu trabalho. Uma modificação no braço oscilante permitiu a instalação de um par de amortecedores traseiros Öhlins pretos e de uma roda traseira de 17 polegadas oriunda da CB500F e também de um pneu Dunlop D212 190/55-ZR17. O guarda-lamas dianteiro foi fabricado do zero e é 25 mm mais baixo; os avanços de grandes dimensões tornam a direcção mais fácil de virar e o velocímetro foi agora movido para a mesa superior.

Com uma simplicidade estonteante, a componente ciclística resulta de estudos 3D em computador e é composta por um depósito em poliéster-carbono personalizado (com enchimento de alumínio), um banco traseiro com farolim de LEDs e capas em tecido Alcantara nos bancos. Os poisa-pés foram feitos à mão e conferem uma sensação de competição à personalização; a pintura vermelha/preta e os acabamentos de elevada qualidade prestam uma homenagem subtil aos modelos clássicos da Honda. O motor não foi alterado, mas o escape é uma unidade em aço inoxidável FR Original.


CMX BOBBER – Espírito Custom com carácter divertido

Inspirado pelo design minimalista da CMX1100 Rebel, esta interpretação tem um toque mais customizado, levando-a ainda mais longe no estilo bobber. O braço oscilante e a suspensão são os originais, mas foram rebaixados 25 mm à frente; as jantes personalizadas com raios pretos usam pneus Bridgestone grossos.

Tendo por base uma inspiração bobber, os avanços são em alumínio, o banco é em pele perfurada e estrias, o guarda-lamas frontal é em alumínio (com acabamento Mirrachrome) e a moldura do farol é pintada. Os piscas de LEDs Mini-Bates da FCR Original encaixam perfeitamente no conjunto e, tal como a CMX Sport, os estudos 3D feitos em computador originaram um depósito em poliéster-carbono personalizado – com acabamento Mirrachrome/azul acetinado – e enchimento de alumínio. O escape da FCR Original revestido a cerâmica é o toque final, destacando toda a beleza mecânica da moto.


[publicado originalmente no Pela Estrada Fora]

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]