2021/11/17

Moto Watch 100 abandona o Wear OS

Para o seu novo smartwatch Moto Watch 100 a Motorola apostou na simplificação, deixando de lado o Wear OS.

A Motorola pode ter tido papel fundamental na evolução dos smartwatches, criando o Moto 360 em 2014 com Wear OS e ecrã circular - embora na altura com uma secção não activa na parte inferior, que lhe valia a alcunha de ecrã em formato de "pneu furado. Mas para o seu Moto Watch 100 segue um caminho bem diferente, e que também tem sido seguido por outros fabricantes, abdicando do Wear OS para ter um smartwatch mais económico e com autonomia mais prolongada.
O Moto Watch 100 tem um preço de $99.99 e promete autonomia para duas semanas, na prática podendo ser equiparado a uma smart bracelet em formato de relógio; e que no fundo pode ser precisamente aquilo que a maioria das pessoas deseja.

Sem dúvida que haverá quem dê uso às capacidades de um smartwatch Wear OS, mas desconfio que grande parte das pessoas apenas os utiliza para tracking de actividade e ver notificações de forma mais conveniente. Para estas, um "smartwatch" como este, mais barato e que não obriga a carregar diariamente, pode ser bastante mais atractivo.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]