2021/12/22

Operadoras norte-americanas tentam "ilimitado" à moda portuguesa

Nos EUA, as operadoras de telecomunicações têm estado em guerra por causa dos tarifários anunciados como "ilimitados", mas que têm limites.

Podemos mudar de continente, mas as más práticas das operadoras de telecomunicações demonstram ser idênticas à escala global. Depois de já várias operadoras terem passado por vergonha idêntica, é a vez da Mint Mobile ser obrigada a parar de anunciar o seu tarifário como sendo ilimitado, pois na verdade a operadora reduz drasticamente as velocidades a partir dos 35 GB de dados - com a autoridade de regulação da publicidade a dizer que isso equivale a publicidade enganosa.

Infelizmente também por cá já passamos por isso, com os famosos planos "ilimitados" com limites. Mas, vamos acreditar que, depois do que já se passou e, agora que temos o milagrosos 5G que vai permitir tudo e mais alguma coisa, as operadoras vão finalmente aproveitar a oportunidade do 5G para adoptar comunicações verdadeiramente ilimitadas, fazendo com que o uso de dados móveis possa ser tão despreocupado quanto o uso das ligações por fibra.

Afinal, não vão querer que os clientes descubram que a sua entrada na era 5G apenas seja suficiente para fazer um speedtest e ficar por aí; pois não?

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]