2021/12/29

Rivan R1T de 640 km adiada para 2023

A Rivian conseguiu lançar a sua pickup R1T no mercado (muito) antes do Cybertruck da Tesla, mas a versão com maior autonomia só chegará em 2023.

A Rivian R1T tem conquistado interessados, sendo uma das primeiras pickups eléctricas a chegar ao mercado nos EUA, território onde este tipo de veículos tem bastantes fãs. Mas por agora, a marca irá focar-se em produzir a versão mais equipada e com autonomia de 500 km, deixando a versão Max com autonomia de 640 km para 2023 - data em que também começarão a ser disponibilizadas as versões mais económicas sem os extras do modelo que está a ter prioridade na produção.

A Rivian diz quer cerca de 20% das 71 mil pré-encomendas da R1T e R1S eram do modelo Max, o que significa que terá que lidar com mais de 14 mil clientes que não irão ficar satisfeitos por terem que esperar mais um ano pelos seus veículos.

Afinal, é preciso ter em conta que a Rivian tinha originalmente prometido que iria começar a fazer as entregas em 2020, que depois passaram para 2021, onde sofreram nova vaga de adiamentos sucessivos, para Junho, Julho, e finalmente só começando a ser entregues em Setembro. Alternativamente, a Rivian vai dar a estes clientes a possibilidade de mudarem a sua encomenda para um dos modelos que possa ser entregue mais rapidamente - neste caso baixando a autonomia de 640 para 500 km, e poupando 10 mil dólares no processo.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]