2022/07/12

Nikon abandona DSLRs?

A Nikon poderá estar prestes a entrar numa nova era, que diz adeus às DSLRs.

Embora ainda não tenha sido confirmado oficialmente (nem negado) pela marca, há relatos credíveis que referem que a Nikon poderá ter dado por terminado o desenvolvimento de novas câmaras DSLR, passando a dedicar-se exclusivamente às câmaras mirrorless.

Mesmo que ainda não seja o caso, a Nikon não esconde que isso será uma inevitabilidade. As câmaras DSLR mantêm todo o peso da tecnologia que tinha sido desenvolvida para as câmaras de película, com um complexo sistema de prisma e espelho que permitia ver a imagem através da objectiva, e posteriormente permitir que essa mesma imagem fosse direccionada para a película. Com os sensores digitais, isso acaba por se tornar dispensável. A partir do momento que temos um sensor e ecrã, podemos ver o resultado através da lente - embora representado no ecrã, e não opticamente (mas, uma vez que a imagem vai ser captada digitalmente, acabamos por ver o resultado tal como irá ficar.
Adicionalmente, temos todas as poupanças de peso e volume (e custos), inerentes à remoção dos prismas e espelhos.

Podemos fazer a analogia com os carros eléctricos; com as gerações iniciais a serem carros que mantêm a estrutura tradicional, no qual apenas se trocou o motor a combustão por um motor eléctrico e se desenrascou um lugar para enfiar as baterias; e as gerações seguintes a criarem versões sem os constrangimentos e requisitos tradicionais.

Curiosamente, há "algum" tempo falávamos do futuro das câmaras digitais, e de como seria inevitável a evolução das DSLR para as mirrorless. E, quase uma década depois, até a Nikon acaba por nos dar razão.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]