2022/08/16

Córnea de pele de porco restaura visão

Cientistas desenvolveram um novo método capaz de restaurar a visão, usando córneas bio-sintéticas criadas a partir de pele de porco purificada.

Não faltam exemplos de tecnologia utilizada para tentar superar os problemas enfrentados por pessoas com limitações biológicas derivadas de acidentes, doença ou deficiência de nascimento. No caso da visão, há quem trabalhe na criação de "olhos biónicos" electrónicos, mas esta proposta acaba por ser mais simples, económica, e ainda mais eficiente.

Há problemas de visão que podem ser resolvidos com um transplante da córnea, mas isso levanta o grande problema do "material" de substituição, sendo necessário aguardar por um dador compatível, complicado pela questão da validade da córnea e necessidade de lidar com a rejeição pelo corpo do hospedeiro. Problemas que foram resolvidos por este novo processo que recorre a córneas bio-sintéticas - que apesar de terem origem em pele de porco, acabam por se tornar em colagénio puro, tal como as córneas naturais - e com processo de aplicação mais simples e com menor risco de rejeição.

Nos testes efectuados em 20 pessoas, 19 disseram ter ficado com visão substancialmente melhorada, e 14 pessoas que eram legalmente cegas recuperam a visão a um nível suficiente que os fez perder esse (indesejado) estatuto.

Por vezes a tecnologia não tem que ser complexa e implicar electrónica, câmaras e eléctrodos; se conseguirmos replicar o fabrico das peças biológicas já aprimoradas pela evolução natural ao longo de milhões de anos, temos excelentes probabilidades de ficar melhor servidos.

1 comentário:

[pub]