2022/09/23

Fitbit começa a exigir conta Google em 2023

A partir do próximo ano, a utilização dos Fitbit vai começar a exigir uma conta Google.

A compra da Fitbit pela Google deixou o gigante tecnológico com duas plataformas distintas para serviços idênticos (nada de novo no gigante que tinha meia dúzia de serviços de mensagens). Apesar de ter estado a aproximar os Fitbit do Wear OS 3, há um detalhe que entrará em vigor já no próximo ano: a obrigatoriedade de usar uma conta Google para usar os serviços Fitbit.

Actualmente, os utilizadores podem usar uma conta Google (opcionalmente) ou manterem a sua conta Fitbit usando uma conta independente, com possibilidade de autenticação 2FA - com a opção de login via Facebook a ter sido removida o ano passado.
A Google diz que os actuais utilizadores ainda poderão continuar a usar as suas contas Fitbit tradicionais até 2025, mas que não terão acesso a novas funcionalidade nem poderão utilizar novos dispositivos, a não ser que façam a migração para a conta Google.

A Google compromete-se ainda a não utilizar os dados recolhidos através dos Fitbit para publicidade direccionada para esses utilizadores.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]