2022/09/18

iPhone 14 com chip satélite da Qualcomm

Uma das novidades dos iPhone 14 é o suporte para mensagens de emergência via satélite, que se tornam possíveis graças a chips da Qualcomm.

Apesar da Apple estar a trabalhar na criação dos seus próprios chips modem (tendo adquirido a divisão da Intel que tinha sido criada para fornecer chips à Apple), os iPhone 14 continuam a depender de chips Qualcomm para a ligação celular e o novo sistema de ligação via satélite.

O teardown do iPhone 14 revela um modem Qualcomm X65 no seu interior, que não só possibilita as ligações 5G como também suporta a banda n53 utilizada pelos satélites Globalstar GSAT.A. A conectividade via satélite é bastante ténue, ao ponto da Apple ter incluído um sistema que informa o utilizador da posição em que deverá apontar o iPhone 14 para optimizar a ligação ao satélite. Também ainda não foram revelados dados sobre se esta comunicação via satélite estará disponível a nível mundial ou se, numa primeira fase, apenas nos operadores norte-americanos.

De qualquer forma, este é um sistema completamente diferente daquele que foi prometido pela Starlink para o próximo ano. Esse sistema permitirá fazer uma ligação directa aos smartphones sem necessidade de novo hardware, e disponibilizando largura de banda que será tecnicamente suficiente para fazer chamadas de voz ou até chamadas de vídeo (embora inicialmente vá ser limitada apenas a mensagens de texto).

Será interessante acompanhar o panorama das ligações satélite nos próximos anos, mas arrisco-me dizer que, lá para o final da década, será possível enviar mensagens de / para qualquer ponto do mundo, quer se esteja no meio do oceano, no meio de um deserto, ou em qualquer outro local remoto.

1 comentário:

  1. Revelaram logo na apresentação que a comunicação satélite só está disponível nos EUA e Canadá.

    ResponderEliminar

[pub]