2022/11/24

Stable Diffusion 2.0 melhora imagens mas dificulta cópia de artistas

O Stable Diffusion lançou uma nova versão do seu modelo de geração de imagens, mas há quem não goste de algumas das alterações que foram feitas.

O Stable Diffusion é um dos modelos de geração de imagens AI que tem dado que falar nos últimos tempos, permitindo criar imagens a partir de uma simples descrição. Para a nova versão Stable Diffusion 2.0 os seus criadores apresentam uma série de melhorias e vantagens, incluindo a possibilidade de criar imagens de maior qualidade e com maior resolução graças a um novo sistema de upscaling AI, e também uma poderosa funcionalidade que é capaz de inferir e respeitar a informação de profundidade de uma imagem para gerar imagens que "encaixem" perfeitamente naquilo que se pretende.
Mas há muitos utilizadores que se queixam de que nem tudo são melhorias. O novo modelo é bastante menos permissivo em termos de recriar imagens com estilos de artistas ou empresas existentes; um tópico que tem gerado alguma polémica, com artistas que dizem que estes sistemas os estão a "copiar" sem qualquer autorização.

Uma comparação de imagens geradas segundo diferentes estilos, mostra que a nova versão não segue os estilos de forma tão eficaz como a versão anterior.
Também foram removidas as imagens de teor "NSFW" (incluindo nudez, pornografia, etc.) que se podem tornar problemáticas - por exemplo, permitindo que se criassem imagens falsas com pessoas conhecidas, ou até imagens com crianças - mas também aí surgem as críticas, com utilizadores a dizerem que isso é algo que deveria ser da responsabilidade do utilizador final e não aplicado via censura aplicada directamente no modelo AI.

De qualquer forma, é algo que será inevitável acontecer. No passado já tivemos modelos AI alterados (como o Unstable Diffusion) que removem estas limitações, e já estão prometidas versões actualizadas que farão o mesmo para este modelo melhorado.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]