2022/12/24

Feliz Natal 2022

Dando continuidade à nossa tradição de Natal (para além das prendas) venho por este meio desejar um Feliz Natal 2022 e que o ano de 2023 evolua no sentido de um mundo mais justo, honesto e sustentável.

Apesar de ter saído das páginas iniciais dos jornais, a questão das mazelas e efeitos a longo prazo derivados das infecções Covid-19 continuam a atirar miúdos e graúdos para os hospitais, com todo o tipo de problemas respiratórios. E quando alguém se vê em tal situação, tudo o resto passa a ser secundário. Felizmente, a tecnologia também vai dando uma ajuda - ainda recentemente li uma notícia de que um novo tratamento terá salvo a vida a uma criança que tinha um cancro que, até agora, era considerado incurável - pelo que, há que continuar a investir nestas áreas, sem esquecer a importante componente de que os resultados deverão ser acessíveis a todos os que deles precisem.

De resto, esta fase final do ano tem estado a ser dominada pelas ferramentas AI, tanto a nível da criação de imagens (e até de vídeos), como a nível dos assistentes de conversação como o ChatGPT. É difícil antever as repercussões a longo prazo destas tecnologias, mas facilmente se pode imaginar que se venham a tornar cada vez mais integradas no nosso quotidiano ao longo dos próximos anos - e com isso, também se expandirá o acesso de inúmeras tecnologias a muitas mais pessoas, já que será possível falar para se pedir o que se quer fazer, mesmo que não se saiba como tal poderia ser feito de forma tradicional.

E tendo em conta que ainda não temos tecnologia para viajar no tempo ou nos tornarmos imortais, despeço-me por agora com o desejo de que aproveitem todos os momentos com as pessoas que consideram importantes. As décadas passam a correr e não temos muitas para marcar a nossa fugaz passagem por este planeta.


Nota: a imagem no início foi criada por AI para o pedido de uma árvore de Natal, com prendas, em Marte.

4 comentários:

[pub]