2017/09/15

iPhone X / 8 ou Android: qual escolher?


A chegada do iPhone X e iPhone 8 fez-nos analisar a distribuição dos preços da gama da Apple, mas agora é altura de incluirmos modelos Android concorrentes.

Se, quando estamos limitado aos iPhones já vimos que temos variedade dos 419 349 aos 1359 euros, mais importante será ver que tal esses preços se comparam face a modelos topo de gama da concorrência. Para isso vamos incluir modelos como os Samsung Galaxy S8, S7 e Note 8, o LG G6 (o V30 infelizmente ainda não tem preço definido para a Europa), o Huawei P10 e Mate 9, o OnePlus 5 e o Xiaomi Mi 6. Bem sei que não é uma lista exaustiva... mas já permitirá dar uma ideia das alternativas existentes face aos iPhones.

Antes de avançarmos, duas coisas a ter em consideração: para simplificar a comparação limitei a selecção de modelos aos modelos de entrada de gama de cada série (incluir as variantes com mais memória tornava tudo mais confuso); e, considerando que ao contrário do que acontece com os iPhones, nos smartphones Android existe uma enorme discrepância do preço oficial face ao preço praticado por muitas lojas, optei por utilizar o preço mais barato (de lojas minimamente reputáveis) - que na prática será aquele que qualquer interessado pagaria. Obviamente também considerei o preço reduzido do iPhone SE, que na Apple está a 420 euros mas nas lojas já se pode encontrar a 350.

Um outro pormenor... considerando o elevado preço dos Google Pixel e o facto de estarem prestes a sair de cena com a chegada dos Pixel 2, também não os incluí na tabela, pois não seriam competitivos face a todos os topo de gama deste ano.



Ora, como se pode ver, não faltam hipóteses de escolha no segmento mais baixo dos preços (abaixo dos 500 euros). Enquanto nos iPhones se está limitado a escolher o iPhone SE por 349 euros ou saltar para os 539 do iPhone 6S; nesse mesmo intervalo encontramos modelos como o Xiaomi Mi 6 (que neste momento está a 350 euros, o mesmo preço do iPhone SE), o Galaxy S7 (€425), o LG G6 (€450), o Huawei P10 (€480), o Galaxy S7 Edge (€485), e o OnePlus 5 e Mate 9 (€499) - todos eles abaixo do preço de um iPhone 6S (€539) de há 2 anos, sendo que por pouco mais (€570) também já se pode considerar a compra de um Galaxy S8.

Se subirmos para o segmento do iPhone 6S Plus e iPhone 7(€649), modelos com 2 e 1 ano de existência, já podemos considerar o Galaxy S8+ (€670) e, daí para cima, encontramos finalmente os mais recentes iPhone 8 (€829) e 8 Plus (€939), com o Galaxy Note 8 (€990) a ficar no limiar dos 1000 euros... e o iPhone X a ir para os 1179 euros.

[O Xiaomi Mi Mix 2 será outro sério candidato e terá preço abaixo dos €500]

As opções existem, e não há dúvida que por menos de 500 euros não faltam excelentes topo de gama que deixarão qualquer pessoa muito bem servida (e que obrigarão a repensar se se justifica pagar o dobro por qualquer outra máquina, por muito boa que seja). Mas, dito isto, para quem fizer questão de ter um iPhone, ter smartphones Android "bons e baratos" acaba por não ser uma alternativa - da mesma forma que quem quiser uma autocaravana não se interessará por ter um carro+roulote a preço mais vantajoso (ou vice-versa). Nessas situações, há que respeitar que cada um tenha as suas preferências... sabendo que isso se irá fazer sentir na carteira... pois racionalmente, não seria possível justificar pagar mais por um iPhone 6S de há dois anos do que por um Huawei P10, LG G6, Mi 6, OnePlus 5, ou até (por pouco mais) um Galaxy S8 deste ano

Mas, também não se pense que essa preferência é assim tão injustificada... Quem tiver comprado um iPhone 6S de há dois anos continua a ter direito a actualizações no dia em que a Apple as disponibiliza, e ganhará todas as novas funcionalidades do iOS 11 incluindo o ARKit. Ora, compare-se com outros topo de gama Android de há dois anos... e veja-se quantos deles irão ter direito ao mais recente Android 8.0. São pontos a considerar, dependendo do valor que cada um der a cada variável da equação - por exemplo, para quem tiver por hábito trocar de smartphone todos os anos, essa questão das actualizações deixa de ser crítica. E claro... também dependerá do valor/penalização atribuído ao factor preço... pois não se pode esquecer que pelo preço de um iPhone X se pode comprar um Galaxy S8+ e um LG G6 e ainda se tem direito a troco generoso... :)


Nota: tabela de todos os modelos considerados, ordenados por preço crescente.

ModeloPreço (€)
iPhone SE (32GB)350
Xiaomi Mi 6 (64GB)350
Samsung Galaxy S7 (32GB)425
LG G6 (32GB)450
Huawei P10 (64GB)480
Samsung Galaxy S7 Edge (32GB)485
OnePlus 5 (64GB)499
Huawei Mate 9 (64GB)499
iPhone 6S (32GB)539
Samsung Galaxy S8 64GB570
iPhone 6S Plus (32GB)649
iPhone 7 (32GB)649
LG G6 (64GB)660
Samsung Galaxy S8+ (64GB)670
iPhone 7 Plus (32GB)789
iPhone 8 (64GB)829
iPhone 8 Plus (64GB)939
Samsung Galaxy Note8 (64GB)990
iPhone X (64GB)1179

12 comentários:

  1. E para quem troca de smartphone com frequência, também tem de se ter em conta o valor de desvalorização. Um Iphone desvaloriza muito menos do que qualquer smartphone Android.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lol... eu tenho um iPhone 6s dei por ele 750€ a 1 ano +ou- Hj numa loja davam me 250€ ora feitas as contas desvalorizou 500€ num ano por isso...

      Eliminar
    2. Numa loja dão sempre menos, pois vão revender. No olx dão-lhe €500/600 se estiver imaculado.

      Eliminar
    3. Se está abaixo dos 600€ novo em loja, como lhe dão entre 500 a 600? Não desvalorizam tanto é verdade, mas não é preciso exagerar..

      Eliminar
  2. Penso que poderiam ter sido incluídos alguns Sony Xperia de grande qualidade....
    Pelo fator preço...o Android dá imensas opções...

    ResponderEliminar
  3. Carlos onde custa a esse preço o Lg 6G

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. http://precos.aadm.pt/LG-G6-32GB-H870-Astro-Black-Desbloqueado-p-2-272009

      Eliminar
    2. nao faltam opções:
      https://www.kuantokusta.pt/comunicacoes/Telemoveis-Smartphones/Telemoveis-Desbloqueados/LG-G6-32GB-H870-Astro-Black-Desbloqueado-p-2-272009

      Eliminar
  4. Então e o famoso Pixel, desapareceu? O de 32GB, o preço que encontrei era superior a €1000.

    É bastante citado nas comparações componente a componente com o iPhone por causa da câmara.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "... considerando o elevado preço dos Google Pixel e o facto de estarem prestes a sair de cena com a chegada dos Pixel 2, também não os incluí na tabela, pois não seriam competitivos face a todos os topo de gama deste ano."

      Eliminar
  5. Sim já tinha visto no kuantokusta dai saber onde teria encontrado esse preço tão caro 660. Eu vi a 432
    http://www.martitek.pt/index.php?route=product/product&product_id=1011&utm_source=kuantokusta&utm_medium=cpc&utm_campaign=catalogo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Na tabela está o G6 a 450€... o que aparece a 660€ é a versão de 64GB (que foi por lapso, uma vez que só queria deixar as versões base) .

      Eliminar

[pub]