2010/06/28

Envia um URL do Chrome para o teu iPhone

Uma das funcionalidades que deu show no Android 2.2 foi a capacidade de poderem enviar um URL para o vosso dispositivo Android a partir do browser.
Pois bem, também podem fazer isso no vosso iPhone com o Notifo e esta extensão para o Chrome: Chrome to Notifo.

 Agora que temos pastas no iPhone, este Notifo torna-se numa App a manter em todos os iPhones. :)


Actualização: Podem espreitar também o PasteFire ou o MyPhoneDesktop.

13 comentários:

  1. e.... o optimus boston?!

    ResponderEliminar
  2. Esse era um bom Android para a Optimus me enviar para fazer um review. :)

    ResponderEliminar
  3. "Uma das funcionalidades que deu show no Android 2.2 foi a capacidade de poderem enviar um URL para o vosso dispositivo Android a partir do browser." ????

    Que (pseudo) novidade é essa?
    Faz maça + shift+ i no safari e vê o que acontece. (ou só maçã + i)
    Já há muito tempo.
    E pode ser enviado para qualquer endereço de e-mail. Não só para android.

    ResponderEliminar
  4. err... estou a falar de notificações "push", que te abrem o endereço URL no smarpthone directamente (e não enviar por email ou coisa que pareça).

    De qq forma, o meu teclado não tem "maçãs", não sei o que faz essa opção no Safari. :)

    ResponderEliminar
  5. ele quis dizer command...

    ResponderEliminar
  6. Não foi o que percebi do teu artigo.
    Não especificas "a partir do browser "do telemóvel. Tudo bem.

    Vê se no "teu" safari indo a File--> Mail link to this page se não existe.

    http://www.apple.com/safari/features.html

    ResponderEliminar
  7. @Kincas

    Acho que não estás a perceber o que esta notificação (ou o send-to do Android 2.2) faz.

    Não se trata de enviar um URL para o email do dispositivo; mas sim de enviar uma notificação push que faz com que se abra automaticamente uma página web no dispositivo em questão.

    Vê o vídeo aqui, para ver se ajuda a clarificar: http://www.youtube.com/watch?v=7JcSPDawdAY

    ResponderEliminar
  8. Ok. Tudo bem.
    Mas apenas nos comentários referiste Push e notificação. No artigo nada é referido.
    Talvez por isso não tenha percebido o pretendido.

    Depois de ver o vídeo deixo duas questões.

    1º como é que o browser (no computador) sabe para que nº de telemóvel enviar?
    2º os perigos de segurança que isso pode levar. (abrir uma pagina web imediatamente que lhe foi enviada por alguém).

    ResponderEliminar
  9. Pois, por não falar em "enviar por email" assumi que as pessoas percebessem o que estava a tentar dizer. Vou tentar ser mais explícito no futuro. :)

    1. Ao instalares o bookmarklet tens que o autenticar o dispositivo para onde o vais enviar.

    2. Para além da tal autenticação inicial, nalguns casos (dependendo da App) aparece-te uma pergunta para que aceites ou canceles o "push".

    (No Android não me pareceu haver a 2ª confirmação - mas a autenticação inicial deverá já evitar os tais casos indesejados.)

    ResponderEliminar
  10. Então só podes mandar "de ti para ti"?
    (a ver se percebo bem)

    ResponderEliminar
  11. Sim, é para mandares de ti para ti.

    A solução mais comum actualmente seria efectivamente enviares aquilo para o email... mas com estas novas funcionalidades, não me parece difícil imaginar que comecem a ser cada vez mais utilizadas.

    Imagina que encontraste qq coisa porreira no browser do teu desktop, e estás de saída... com um único clique podes envia-lo para o teu mobile e continuar a experiência - sem teres que passar pelos passos intermédios: enviar por email, ir ao mobile, abrir o email, saltar para o browser...

    Torna-se mais prático; e quem diz enviar um URL diz no futuro enviar directamente uma música, vídeo, ou qq outro conteúdo...

    ResponderEliminar
  12. Ok. Percebido.
    Quase como um script. Poupa vários passos e é simples.
    Dá jeito para algumas coisas. E isso já "contorna" a questão que eu tinha colocado relativo à segurança.
    Creio que "obriga" à instalação no telemóvel dessa mesma aplicação (só pode).

    ResponderEliminar
  13. No iPhone sim, isso é feito através de Apps. No Android 2.2 irá estar disponível "de origem" (para interligar o Chrome - e o futuro Chrome OS, imagino eu - com os Android.)

    ResponderEliminar

[pub]