2011/10/21

SmartCover no iPad 2 "Ultrapassa" Protecção com Código

Ontem era o Siri, que permite que possam "falar" com um iPhone 4S mesmo quando está bloqueado (embora o possam desactivar nas opções), hoje é novamente um dos recorrentes casos de técnicas que permitem ultrapassar um iOS bloqueado com código, e desta vez referente ao iPad 2 e as suas smartcovers magnéticas.

Se têm um iPad 2 protegido com código... basta uma simples smartcover para poderem ter acesso a algum do seu conteúdo.

Para isso têm que ter acesso a um iPad 2 bloqueado com código e seguir a seguinte sequência:

  1. Pressionar o botão de power até que surja o slider para desligar
  2. Fechar a smartcover
  3. Abrir a smartcover
  4. Clicar em cancel no fundo do ecrã

O "atacante" terá apenas acesso ao ecrã/app em que estivessem antes de bloquear o iPad (no caso de ser o Homescreen, apenas poderá ver as Apps mas não executá-las) mas, não deixa de ser mais um dos maus exemplos de como, ano após ano, parece ser "difícil" fechar uma coisa tão simples como um "bloqueio" por código...

Uma das formas de evitarem este problema por agora, é desactivar a funcionalidade de unlock usando a smartcover.


3 comentários:

  1. Experimentei em 2 IPADs com 4.3.3 e não funcionou. Ele salta logo para a inserção do código após abrir a smart cover. Qualquer coisa escapou na versão 5.

    ResponderEliminar
  2. Eu tenho um iPad 2 com IOS5 e já testei, confirmando esta teoria... :s

    ResponderEliminar
  3. Há coisas que como programador me custa a entender. Quando desenvolvo qualquer app, estando ela a funcionar na perfeição teórica, passo horas ou dias a procurar "bugs", a pensar "outside the box", testando 1001 maneiras de a app não ter o comportament esperado. Uso-a como beta tester, e partilho com uma ou outra pessoa, para procurarem "bugs". E sou amador, e todas as apps que faço são grátis.
    Apesar de perceber a complexidade de um SO, custa-me a entender estes "bugs", quer com o SIRI, quer com a Magic Cover. Claro que vão existir sempre, mas parecem-me demasiado básicos para programadores tão profissionais...

    ResponderEliminar

[pub]