2018/02/21

Android P vai impedir acesso à câmara por apps em background


O Android P ainda está a mais de meio ano de distância, mas há algumas alterações que já vão sendo conhecidas, como maiores restrições para impedir potenciais acessos indevidos à câmara.

Na próxima versão do Android, será mais complicado para uma app maliciosa aceder à câmara sem conhecimento do utilizador, pois o Android P irá impedir que apps em background acedam à câmara.

A alteração visa impedir que uma app que tenha conseguido permissões de acesso à câmara - por exemplo, uma app que aplique efeitos em selfies - possa posteriormente abusar dessa permissão para aceder à câmara dissimulada quando o utilizador já tivesse saído da app. Desta forma, assim que uma ficar em background durante um determinado período de tempo, ficará impedida de aceder à câmara até que o utilizador a volte a executar em primeiro plano.


Qualquer app que pretenda ter acesso continuado à câmara terá que manter um processo a correr em primeiro plano, coisa que no Android P também significa que terá obrigatoriamente que ter um icon na barra de estados a indicar essa mesma actividade.

... Se por um lado isto é positivo, no sentido em que dá maior confiança em termos de se saber o que cada app está a fazer, por outro lado vai tornar complicada (ou impossível) a utilização de apps "anti-roubo" que quisessem manter essa capacidade de secretamente poderem captar imagens sem alterarem os potenciais ladrões.

Actualização: também se vai aplicar a mesma restrição no acesso ao microfone.

1 comentário:

  1. Questiono-me como funcionará o Cerberus com esta medida, porque ter um ícone constante na barra de notificações vai contra todo o conceito e fim da app. Cada vez têm a vida mais complicada :/

    ResponderEliminar

[pub]