2018/04/08

Intel Remote Keyboard permitia a atacantes escrever remotamente nos computadores


A Intel removeu o seu teclado remoto para computadores, disponível para iOS e Android, por ter diversas vulnerabilidades que permitiam ataque remotos.

Todos os elementos que permitem a interacção com um computador são elementos de alto risco (sendo por isso que nos nossos smartphones nem sequer devemos perder tempo a pensar em utilizar um teclado que não nos inspire uma confiança a 100%) mas por vezes nem mesmo essa confiança chega para evitar problemas, como agora acontece com a Intel.

O Intel Remote Keyboard está disponível para iOS e Android, mas não se trata de um comum teclado virtual para essas plataformas. O seu objectivo é facilitar o controlo remoto de computadores que possam não ter um teclado físico disponível (como os Intel NUC ou Compute Stick, mas podendo ser instalado em qualquer computador com Windows 8.1 ou Windows 10) - mas infelizmente, no processo, facilitavam também a vida a atacantes, que podiam escrever remotamente e também executar programas maliciosos nas máquinas com este software.

Infelizmente para os utilizadores deste teclado remoto, a Intel optou por simplesmente deixar de disponibilizar o programa e solicitar a sua desinstalação em vez de lançar uma correcção. Por isso, se forem um dos mais de 500 mil utilizadores que lhe davam uso... está na altura de procurarem alternativas (como o Unified Remote).

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]