2018/04/11

Notícias do dia

Já temos (a primeira parte) da análise ao Huawei P20 Pro; actualização do iOS 11.3 está a bloquear iPhones com ecrãs reparados; uma capa "Tetris" para iPhones a €11; a Google está a preparar um novo dongle Android TV 4K; sistemas de deep learning conseguem ler a mente e recriar imagens; e o Facebook lança verificador para afectados no caso Cambridge Analytica.

Antes de passarmos às notícias em destaque hoje, relembro que já temos novo gadget semanal para vos oferecer: uma luz nocturna Xiaomi Mijia com sensor de movimento.

Google vai lançar Gmail remodelado



Os utilizadores do Gmail podem começar a preocupar-se, pois vêm aí alterações. A Google está a informar os clientes de que vem aí uma remodelação significativa do Gmail sendo que, por muito apreciadas que sejam as melhorias, já se sabe que irá encontrar uma forte oposição de todos os que acham que "está bem assim" e que irão achar as alterações prejudiciais.

Pelo menos num aspecto a Google está a fazer a coisa correctamente: os utilizadores que quiserem experimentar esta nova versão terão que o fazer por sua própria iniciativa, em vez de isso lhes ser imposto sem qualquer alternativa.

... Desde que não estraguem o modo de "alta-densidade" para quem tiver que lidar com centenas de emails... por mim, tudo bem. ;P



Apple condenada a pagar 502.6 milhões de dólares à VirnetX



Estamos habituados a ver a Apple ganhar a maioria dos processos em tribunal, mas desta vez nem mesmo o seu exército de advogados conseguiu impedir a vitória da VirnetX, que a acusou de violação de várias das suas patentes relacionadas com comunicações seguras, a respeito de serviços como o iMessage e FaceTime.

Esta batalha já se arrasta há quase uma década nos tribunais (começou em 2010) mas, como se pode ver pelo resultado, continua a ser uma disputa bastante lucrativa: o Tribunal condenou a Apple a pagar 502.6 milhões à VirnetX... Curiosamente, a VirnetX tem um valor de mercado de cerca de 260 milhões... pelo que provavelmente ficará mais barato à Apple comprá-la e pagar a indemnização a sia mesma.


Tribunal Europeu considera Uber uma empresa de transportes



As pretensões da Uber de ser considerada uma empresa de tecnologia que liga clientes a prestadores de serviços foram novamente derrotadas, e desta vez pelo Tribunal de Justiça Europeu - fazendo com esta decisão seja final e não deva dar grandes possibilidades à Uber para tentar alterá-la...

No nosso país isto em nada deverá afectar o funcionamento da Uber, que já está legislado (faltando apenas saber se já está em vigor ou ainda espera mais alguma coisa); mas noutros países, esta decisão poderá complicar processos que ainda estão em curso. Ter em conta que, embora o Tribunal tenha decidido que a Uber deva ser considerada uma empresa de transportes, isso em nada invalida a recomendação anterior de que cada país deveria ser "receptivo" a este tipo de serviços.


Abuso dos dados do Facebook ainda tem muito por explicar



Numa altura em que Mark Zuckerberg está a depor perante um comité nos EUA a propósito do escândalo Cambridge Analytica, continua a surgir muitas perguntas relativas ao acesso indevido a dados dos utilizadores.

Por exemplo, como é que foram acedidos dados de 375 mil australianos e neo-zelandeses se apenas 63 pessoas nestes territórios acederam à app da Cambridge Analytica. E não menos preocupante, a revelação de que a Cambridge Analytica poderá ter conseguido aceder a mensagens privadas de alguns utilizadores. Algo que demonstra bem a escala do problema e de ir muito para além da desculpa de que "os utilizadores consentiram"... Veremos no que isto irá resultar.


Curtas do dia


Resumo da madrugada

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]