2018/05/08

Microsoft leva Timeline do Windows aos Androids e iPhones


A Microsoft disponibilizou recentemente uma actualização do Windows 10 com algumas novidades, onde a mais importante será talvez a nova Timeline, que permite ao utilizador aceder a tudo o que fez nos últimos 30 dias. Reforçando a sua aposta no mobile, o gigante americano vai disponibilizar o acesso a esta Timeline nos Android e iPhones.

O Arrow Launcher passou a Microsoft Launcher, e tem recebido frequentes actualizações, com novas funcionalidades e, segundo a notícia agora divulgada, vai receber em breve uma actualização de peso, passando a suportar a Timeline do Windows 10 - enquanto que nos iPhones isso será feito através do seu browser MS Edge. As novidades não se vão ficar por aqui, pois a Microsoft também planeia disponibilizar a possibilidade de correr as aplicações do desktop no equipamento móvel. Uma excelente notícia para os milhões de utilizadores do ecossistema da Microsoft, que assim passarão a poder dar continuidade os seus trabalhos no smartphone ou tablet, com toda a comodidade.

Esta é efectivamente uma Microsoft diferente. Longe vão os tempos em que a mesma se fechava sobre si mesmo, ignorando tudo e todos, o que levou a que passasse ao lado de algumas revoluções, tendo o sector mobile talvez sido o seu maior pecado. O Windows Mobile que outrora foi capaz de esmagar uma muito interessante Palm, acabou por cair aos pés do sucesso do iOS e dos milhões de utilizadores Android. Os tempos agora são outros e a Microsoft mostra uma nova postura, fortemente elogiada por todos os sectores da sociedade. Não foi só o Linux que passou a estar debaixo da atenção de empresa agora comandada por Satya Nadella, o Android é também uma das suas apostas, com várias aplicações a atingirem milhões de downloads, o que demonstra bem o peso que a marca Microsoft ainda tem hoje em dia.

No entanto, é uma posição que não pode ser descurada... pois deixará de ter a vantagem que tinha com a nossa geração (das pessoas que cresceram com PCs Windows em casa). Agora, as novas gerações têm Androids e iOS... e não sentirão qualquer nostalgia pelos sistemas Windows quando tiverem que escolher as suas máquinas.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]