2018/05/05

Missões tripuladas da SpaceX e Boeing adiadas para 2020?


A soma de sucessos nos lançamentos de carga e satélites para o espaço pode fazer pensar que isso já se tornou em coisa "fácil" para empresas como a SpaceX, mas o próximo passo, de enviar cápsulas com pessoas a bordo... é bem mais complicado.

O último relatório da NASA referente às naves Dragon da SpaceX e Starliner da Boeing apontam para algumas dificuldades que poderão adiar os planos, fazendo com que as primeiras missões tripuladas comerciais sejam adiadas para 2020.

Segundo o calendário revisto, a Boeing deverá fazer um primeiro lançamento não tripulado em Agosto, e se tudo correr bem, fazer o primeiro lançamento com astronautas, ainda em fase experimental, em Novembro. No caso da SpaceX, o primeiro voo não tripulado também está programado para Agosto, com o voo tripulado agendado para Dezembro. No entanto, há quem diga que estas datas são demasiado optimistas, e que ainda há que rectificar e certificar diversos aspectos antes que a NASA considere ambos os sistemas suficientemente seguros para voos tripulados.

... Considerando o quanto já se esperou, não será por mais um ou dois anos de espera que deixará de ser menos histórico este novo passo da conquista espacial...

1 comentário:

  1. Posso estar a dizer uma barbaridade, mas se bem me recordo um "foguetão" antes de ter uma missão com tripulação, tem de fazer pelo menos 5 (ou será 8?) missões com sucesso sem nenhuma alteração ao seu hardware ou software.
    A SpaceX, mesmo apesar dos atrasos do Block 5, está na primeira linha para ser a primeira organização americana a conseguir levar pessoas para órbita desde os tempos do Space Shuttle, mas depois há os lobbys e esses querem a todo o custo travar a SpaceX em detrimento do SLS (Space Launch Sytem), "foguetão" este que ainda nem estando pronto já está desactualizado e é bem mais caro.

    ResponderEliminar

[pub]