2018/09/10

ASUS ROG Phone estreou-se na Comic Con Portugal 2018


A Asus tem estado presente em força na Comic Con Portugal, e este ano não foi excepção, com a marca a aproveitar o evento para dar a conhecer o seu ROG Phone destinado aos jogos, e que até pode funcionar como uma consola.

O ROG Phone é um smartphone que conta com o hardware que se esperaria de um topo de gama, com um Snapdragon 845 (aqui acelerado para os 2.96GHz) acompanhado por sistema de dissipação melhorado GameCool, 8GB de RAM e 512GB para armazenamento, câmara dupla traseira com 12MP, ƒ/1.8, EIS e 8MP, ƒ/2.0, complementada na frente por uma câmara com 8MP, bateria de 4000mAh, e sistema de carregamento HyperCharge que tem a grande vantagem de ser compatível tanto com o Quick Charge 4.0 como com o USB-C PD.

No ecrã, também temos melhorias face aos sistemas habituais, com um ecrã 18:9 AMOLED com resolução FHD+ (2160x1080) capaz de funcionar a 90Hz e produzir imagens HDR.


Todo o smartphone está concebido para ser a melhor máquina de jogos móvel do momento, e não ficou esquecido a parte de como os utilizadores irão tirar partido disso. O ROG Phone conta com AirTriggers ultra sónicos programáveis e duplo force-feedback para interacção com os jogos de forma instantâneo e feedback de alta-qualidade. E isso pode expandir-se ainda mais recorrendo-se a acessórios como a dock TwinView opcional para um modo portátil de duplo-ecrã; a dock Mobile Desktop; ou ainda o controlador Gamevice com doca WiGig que usa Wi-Fi 60GHz.

Também a parte de personalização luminosa está presente, com o ASUS Aura RGB, com logótipo ROG iluminado que pode exibir um arco-íris de esquemas de luz: estático, a respirar, estroboscópico ou ciclo de cores. E os efeitos de luz podem ser atribuídos a coisas como chamadas, notificações e outros, pelo que também tem uma componente funcional e não apenas de "show off".


O ASUS ROG Phone vai chegar às lojas nacionais no final de Outubro, faltando agora saber se irá ter o preço exorbitante que se pode imaginar que irá ter... ou se a Asus irá manter a política aplicada ao seu ZenFone 5Z e surpreender-nos com um preço bastante mais competitivo do que se imagina (também não nos podemos esquecer que está para breve a apresentação do Snapdragon 855, que irá fazer com que os modelos com Snapdragon 845, por muito bons que seja, se tornem em modelos "do ano passado").

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]