2018/09/03

Skype volta atrás e aposta na simplificação


A Microsoft parece estar com dificuldade em definir o rumo para o Skype, mas felizmente concordou que tentar imitar o Snapchat não seria a melhor opção, abandonando os "Highlights" e apostando na simplificação do interface.

Se não é segredo que algumas empresas têm tido sucesso em copiar funcionalidades do Snapchat (como o Facebook) ao ponto de as tornar até mais populares nos seus serviços do que o original, por outro lado essa é uma fórmula que não funciona para todos, como a MS veio a descobrir.

Os "Highlights" do Skype eram a sua versão das "Stories" do Snapchat, e pode dizer-se que a sua estreia não foi nada bem recebida quando foi implementada em Junho de 2017. Demorou mais de um ano para a Microsoft a reconhecer o erro e a reagir ao coro de críticas dos utilizadores, coisa que agora acontece com a chegada do Skype 8.29, que se volta a focar na simplicidade de utilização e em disponibilizar aquilo que os utilizadores realmente desejam: uma app simples e prática de utilizar para fazer videochamadas, telefonemas, e trocar mensagens.

Ninguém está livre de errar, e de certa forma não se pode censurar demasiado a MS de ter sido iludida pela moda das "Stories" que tem contagiado diversos serviços nos últimos anos. Por outro lado, parece-me que neste caso seria bastante óbvio qual seria o resultado, e a MS deveria - no mínimo - ter considerado que a coisa não fosse funcionar e tivesse um "plano B" para reagir mais rapidamente a essa possibilidade.

Bem, pelo lado positivo a equipa do Skype percebeu que era importante ouvir a opinião dos utilizadores e criou um site onde os mesmos podem colocar as sugestões para que sejam votadas pela comunidade e assim se descubram quais as que serão mais prioritárias.

1 comentário:

  1. Cada vez pior, porquê acabar com o clássico que toda a gente gostava.

    ResponderEliminar

[pub]