2018/11/03

Apple melhora mapas com vegetação e formas extra


Os mapas da Apple foram um projecto que envergonhou a empresa ao ponto de ter que reconhecer publicamente que iria ser necessário muito trabalho adicional, mas parece que esse trabalho está finalmente a dar frutos.

A Apple tem estado a melhorar substancialmente os seus mapas, adicionando informação detalhada que nem sequer a Google está a apresentar no seu Google Maps, como informação sobre o grau de vegetação (até mesmo quando se trata de vegetação em separadores de estradas, ou as áreas relvadas em redor de habitações), e até a areia das praias.



Uma análise detalhada a estes mapas da Apple revela inúmeras curiosidades sobre os mesmos, mas também bastantes incongruências. É que se por um lado temos vegetação e algumas formas detalhadas (como pistas e campos desportivos), por outro lado temos erros básicos em alguns edifícios 3D - que se tornam mais difíceis de explicar quando se tem em conta o nível de detalhe e atenção que revelam (do tipo, fizeram 99% do trabalho bem, mas depois enganam-se na escala, que nas próprias imagens do Apple Map aparecem direitas?)


Ainda assim, é revelador de que a Apple tem dedicada bastante atenção nos últimos anos a melhorar os seus mapas, mas há ainda muito por fazer. É que por agora este novos mapas hiper-detalhados cobrem apenas 3.1% do território dos EUA.

Por cá há também muito por fazer. Tenho um caso recorrente em que, se clicar no mapa da Apple para me dar a morada do local e o atribuir a um contacto, se logo de seguida clicar nessa mesma morada os mapas da Apple mostram-me um local completamente diferente. O tipo de coisa que por agora ainda não inspira confiança suficiente para justificar a sua utilização face ao Google Maps.

1 comentário:

[pub]