2018/12/06

Qualcomm apresenta detalhes do Snapdragon 855


A Qualcomm já revelou detalhes técnicos sobre o Snapdragon 855, e se por um lado temos melhorias óbvias, por outro surgem algumas dúvidas que deixam no ar se este novo chip poderá fazer recordar as más memórias do gastador Snapdragon 810.

Para o Snapdragon 855 a Qualcomm seguiu outros fabricantes e adoptou uma estrutura de núcleos tripartida: temos um bloco de 4x Kryo 485 Silver (baseados no A55) para as tarefas pouco intensivas; um bloco de 3x Kryo 485 Gold (baseados no A76) a 2.42GHz para as tarefas normais; e um único Kryo 485 Gold adicional, optimizado para alto-desempenho (velocidade até 2.84GHz).

A Qualcomm anuncia uma melhoria no desempenho de 45% face ao 845, e melhorias no GPU de 20% com o novo Adreno 640. O novo processador gráfico pode também processar informação 3D em tempo real, permitindo aplicar os efeitos conhecidos das fotos - como o bokeh - a vídeo 4K HDR a 60fps.

A parte mais preocupante é que a Qualcomm não fez qualquer referência a eventuais melhorias da eficiência energética, o que faz suspeitar que sejam reduzidas. A isso acresce a estranha decisão de ter mantido uma alimentação comum para o bloco de 3+1 núcleos de alto-desempenho, o que significa que, quer se esteja a usar um, ou os três, ou os quatro, o chip não poderá fazer uma gestão de energia "à medida"... por exemplo, desde que esteja a utilizar o núcleo mais potente, estará também a alimentar os restantes três núcleos. Uma decisão que deverá prejudicar bastante este chip em termos de eficiência energética.

Mas, saberemos quando o chip chegar ao mercado e for posto à prova. Que será um dos mais potentes chips no mercado, disso não há dúvida, resta agora saber como é que se comparará face aos A12 da Apple e Kirin 980 da Huawei.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]