2019/02/24

HMD apresentou 5 novos Nokia no MWC


Pelo terceiro ano consecutivo, a HMD está no MWC de Barcelona para nos dar conhecer as suas novas propostas da família Nokia, que mais uma vez reflectem uma aposta em todos os segmentos de mercado, deste os feature phones até aos topo de gama.



As actualizações continuam a ser uma grande aposta da HMD, com toda a gama de smartphones Nokia a ser alvo de actualização, não se limitando aos modelos topo de gama - algo que infelizmente é comum na grande maioria dos seus concorrentes.



A HMD deu como exemplo o Nokia 5, smartphone que foi lançado com Android Nougat, recebeu a actualização para o Android 8 Oreo e actualmente já se encontra a correr Android 9 Pie.

A experiência de utilização é o ponto nevrálgico de todos os smartphones Nokia, com o consumidor a estar no centro de todas as decisões, por forma a garantir que o produto final estará de acordo com as suas expectativas.


Juho Sarvikas, Chief Producer Officer da HMD Global, apresentou o novo portefólio de produtos para 2019, o qual foi desenvolvido tendo em conta três linhas mestras: simplicidade/fiabilidade, qualidade de construção e design inovador, os mesmos factores que serviram de base aos equipamentos apresentados no ano anterior.


O Nokia 210 é um equipamento pensado para o segmento low budget, tendo como grande grande trunfo a possibilidade de navegar na internet com um browser da Opera, especialmente desenvolvido para o efeito. Loja de aplicações e uma bateria para uma autonomia alargada, são outros dos trunfos deste novo smartphone Nokia.

Estará disponível em três cores, já a partir da próxima semana, com um preço anunciado de $35.


Para a gama de entrada, a HMD apresentou o Nokia 1 Plus, o qual chega com um novo design e capas removíveis. Tem um ecrã de 5,45", câmara traseira melhorada, agora com 8MP, disponibilizando melhores fotografias.

Corre Android 9 Pie Go edition, um sistema operativo pensado para potenciar um conjunto de hardware algo limitado, mas que acaba por ser a opção para quem procura um smartphone de baixo custo.

Vai estar disponível a partir de Março, em três cores, com um preço previsto de $99.


Para o mercado das massas, a HMD apresentou dois novos smartphones, o Nokia 4.2 e o Nokia 3.2.

O Nokia 4.2 aposta num design compacto, que promete ser confortável em utilização. Tem um ecrã HD de 5,71", com um furo na zona central (onde está alojada a câmara frontal), processador Snapdragon 439, 2GB/3GB de RAM e 16/32GB para armazenamento e uma bateria de 3000mAh.

Face unlock e sensor de impressão digital, são outros dos trunfos deste novo smartphone. A HMD quer desta forma melhorar a experiência de utilização, tendo visto o desbloqueio do smartphone, uma das acções que executamos inúmeras vezes ao longo do dia.


O Nokia 3.2 conta igualmente com um ecrã HD, se bem que a diagonal é maior, passando para as 6,26". Tem 2GB/3GB de RAM e 16/32GB para armazenamento, tal como o Nokia 4.2. A bateria de 4000 mAh e o processador Snapdragon 439 permitirão, segundo a HMD, uma autonomia de até dois dias.


Estes dois smartphones apresentam um botão dedicado para aceder ao Google Assistant. Este botão possibilitará um acesso mais rápido e expedito ao assistente da Google. Um duplo toque, irá apresentar um resumo do dia, com as informações disponibilizadas pelos diversos serviços da Google. Ausência de bloatware, Android sem modificações e actualizações de segurança garantidas durante dois anos, são outro dos aspectos que por certo vão agradar aos fãs do Android.

O Nokia 3.2 começa nos $139, enquanto o Nokia 4.2 (corpo em metal e sensor de impressão digital) vai pesar mais um pouco na carteira, com o preço a começar nos $169. Os dois smartphones vão estar disponíveis a partir de Abril.


Por fim, chegou finalmente o momento do Nokia 9 Pureview com as suas 5 câmaras, que como já era esperado, foi a estrela da sessão.

Duas das câmaras são RGB, enquanto as restantes 3 são monocromáticas, para captarem mais luz (9x mais segundo a HMD). O processador de imagem consegue gerir simultâneamente as 5 câmaras, garantindo um controlo da luz ajustado a cada cena.


O CPU, GPU, ISP e DSP foram minuciosamente escrutinados, de forma a serem utilizados em simultâneo o que, segundo a HMD, possibilita uma redução de ruído 3x maior, ao mesmo tempo que garante um menor consumo energético.

O Nokia 9 tem um ecrã OLED 2K, sensor sob o ecrã e face Unlock, 6GB de RAM, 128GB para armazenamento e um preço anunciado de $699. Estará disponível em mercados seleccionados a partir de Março, com a pré-venda a começar já hoje.

Imagens do evento




























Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]