2019/02/15

O sub-mundo do desbloqueio de iPhones roubados


Dita a lei de mercado que, quando há "procura", não demorará para que surja "oferta" - e é precisamente isso que tem acontecido em resposta ao sistema de bloqueio iCloud usado pela Apple para dissuadir os roubos.

O sistema de bloqueio via iCloud que a Apple implementou nos iPhones e iPads veio complicar imensamente a vida aos ladrões, exigindo que mesmo em caso de reset se tenha que inserir as credenciais do dono legítimo. Infelizmente, não é por isso que se deixaram de roubar iPhones, como um salto a qualquer site de leilões online revela, com dezenas de iPhones bloqueados à venda...

Existe todo um novo sub-mundo dedicado ao desbloqueio de iPhones, onde se chega ao ponto de ter sistemas "fáceis de utilizar" destinados a fazer phishing às vítimas, de modo a tentar obter a sua password iCloud, para libertar o iPhone ou iPad. Isto para além de outras vertentes, que passam por supostos acessos a reparadores autorizados, ou outras técnicas que prometem conseguir desbloqueá-los - para não falar no método igualmente válido, dos próprios ladrões exigirem que as vítimas desbloqueiem os seus iPhones e desactivem o Find my Phone.

Curiosamente, embora a maioria destes iPhones tenha origem duvidosa; existem também muitas situações onde pode haver a necessidade legítima de desbloquear estes equipamentos: como compras legítimas de iPhones ou iPads de empresas falidas, ou dispositivos de familiares que faleceram, etc. Infelizmente, não me parece que haja uma forma perfeita de facilitar a vida a estes, sem que isso se torne num sistema que também possa ser abusado pelos outros.

3 comentários:

  1. Se as operadoras todas bloqueassem os IMEI e não houvesse acesso a rede e o IMEI impossível de alterar ,então teriam tijolos mas mãos .Mas as empresas não querem saber, no final vendem mais dispositivos.

    ResponderEliminar
  2. O iPhone tem realmente uma segurança muito boa, faz com que quem rouba pense duas vezes ..
    Depois de roubados, a maioria é vendido as peças ou para peças..

    ResponderEliminar

[pub]