2019/03/13

Gboard ganha reconhecimento de voz offline via rede neuronal - nos Pixel


O reconhecimento de voz feito em modo offline pelo teclado Gboard da Google vai ficar bastante melhor, com a chegada de um novo método que utiliza redes neuronais - mas que, por agora, funcionará apenas nos Pixel.

O reconhecimento de voz em modo offline não é propriamente uma novidade (já era feito em "pocket PCs" há mais de uma década atrás), mas agora a Google aplica as mais recentes e eficientes técnicas de reconhecimento, usando redes neuronais, ao seu teclado Gboard.

As dificuldades foram muitas, começando pelo objectivo de reduzir a matriz de treino, que ocupava quase 2GB, de modo a poder ser utilizada num smartphone. A Google conseguiu reduzir a rede neuronal para 450MB - valor que ainda era considerado excessivo para um smartphone - e depois de algum trabalho extra, conseguiu ser reduzido para uns mais aceitáveis 80MB.

O resultado, face ao reconhecimento feito remotamente nos servidores da Google, é a velocidade. Este novo sistema é até capaz de fazer o reconhecimento de voz, de forma eficiente, de forma mais rápida do que é possível falar.


Infelizmente, embora a Google diga que o sistema nem sequer é muito exigente em termos de hardware, por agora irá ficar apenas disponível nos smartphones Pixel, e apenas para o inglês dos EUA.

Esperemos que eventualmente lá chegue o dia em que também o português de Portugal possa tirar partido deste reconhecimento offline melhorado.

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]