2019/04/10

Facebook Watch Party utilizado para partilhar filmes pirata

Sem grandes surpresas, a funcionalidade de partilha de vídeos Watch Party do Facebook está a ser utilizada para partilhar vídeos pirata com grupos de amigos.

O Watch Party é uma funcionalidade que promove a visualização de um vídeo de forma sincronizada entre um grupo de pessoas no Facebook - tanto se aplicando a um grupo privado de amigos, ou uma página do Facebook - e que poderão comentar em tempo real sobre o que estão a ver. No fundo, o equivalente digital a convidar amigos para virem a nossa casa ver um filme, mas  sem os constrangimentos físicos: aqui podemos ter amigos de todas as partes do mundo, e em quantidade que não se conseguiriam sentar na nossa sala.

Ora, não é de surpreender que esta funcionalidade esteja a ser também utilizada para partilhar vídeos pirata, permitindo que grandes grupos de pessoas se juntem para uma noite "pirata" a ver programas e filmes de fontes não oficiais.

Inocentemente, alguns destes grupos nem sequer fazem questão de tentar disfarçar a sua actividade, revelando publicamente que se dedicam a ver filmes em conjunto para que possam ser discutidos durante e após a exibição. Explicação que pode ser sincera e não ter quaisquer intenções maliciosas, mas que obviamente não será encarada da mesma forma por parte dos detentores dos direitos destes filmes, que seguramente utilizarão (mais) este caso para justificar a necessidade dos "Artigos 13".

... Esperemos não ter que chegar a um artigo 131313 que limite as pessoas que se podem convidar para ver um filme em nossa casa. Poderemos ver um filme com três ou quatro amigos que vejam um filme via Netflix em nossa casa? E se forem duas dúzias de pessoas durante uma festa de aniversário? (Enquanto isso, ninguém se parece preocupar com a facilidade com que os conteúdos nos serviços de streaming desaparecem - ainda esta semana estava eu a ver uma série no Prime Video da Amazon, e às tantas, a série simplesmente desapareceu sem deixar rasto, já nem sequer aparecendo na pesquisa, relembrando-me o célebre caso de um filme Star Wars que tinha deixado ficar a meio na Netflix, e no dia seguinte quando ia ver o resto, já lá não estava... Enfim, é o que dá pagar para ter acesso aos conteúdos legalmente...)

Sem comentários:

Enviar um comentário (problemas a comentar?)

[pub]